IPCA
0,83 Mai.2024
Topo

BofA corta SLC Agrícola a "underperform"; ação cai mais de 6%

08/05/2023 15h22

SÃO PAULO (Reuters) - Analistas do Bank of America cortaram a recomendação das ações da SLC Agrícola para "underperform" ante "neutra" e reduziram o preço-alvo de 56 para 41 reais, conforme relatório enviado a clientes nesta segunda-feira.

Guilherme Palhares e Isabella Simonato afirmaram que, conforme as condições climáticas passam de dois eventos La Niñas consecutivos para um forte El Niño, veem riscos negativos às ações dada a perspectiva de queda em commodities.

Além disso, avaliam que o benefício de preços mais baixos de fertilizantes e produtos químicos agrícolas será reduzido por maiores taxas de aplicação.

Eles reduziram sua projeção para o resultado operacional medido pelo Ebitda no próximo ano em 10%, para 2,4 bilhões de reais, o que significa que os resultados devem atingir o pico em 2023 e normalizar já em 2024.

A equipe do BofA Securities também calcula que a margem Ebitda deve enfraquecer para 32% em 2024, após dois anos de forte desempenho no patamar de 40%.

O cenário base dos analistas considera os preços de soja e milho em 2023/24 a 11 dólares/bu e 5,1 dólares/bu, 11% e 2% de queda para os preços spot, respectivamente.

Também veem que uma desaceleração na demanda de algodão após uma recuperação da commodity indica que o preço ficará estável em 84-86 dólares/lb.

"Como a SLC permanece praticamente sem hedge para 2023/24, preços mais baixos devem impactar os resultados de curto prazo", acrescentaram Palhares e Simonato.

Na B3, as ações da SLC apuravam um declínio de -6,11%, a 39,78 reais, por volta de 15h, pior desempenho do Ibovespa, que subia 1,06%.

(Por Paula Arend Laier)