Conteúdo publicado há 10 meses

Resultado do PIB no 2° tri traz viés positivo para estimativa de crescimento no ano, diz Fazenda

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Fazenda disse nesta sexta-feira que o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil no segundo trimestre, que surpreendeu para cima, confere viés positivo para sua estimativa de expansão de 2,5% da economia em 2023.

Em relatório divulgado após o IBGE informar avanço de 0,9% da economia no período de abril a junho, contra expectativa em pesquisa da Reuters de alta de apenas 0,3% do PIB, a SPE disse que, para o terceiro trimestre, a perspectiva é de redução do ritmo de crescimento na margem, seguida de leve recuperação nos últimos três meses do ano.

Segundo a SPE, a expectativa de menor ritmo de crescimento é explicada, principalmente, pelos impactos defasados da política monetária na atividade, pelas condições financeiras ainda restritivas e pelo menor ritmo de crescimento mundial.

Entre os vetores positivos para o crescimento no ano citados pela SPE, estão o efeito da redução da inflação de alimentos sobre a disponibilidade da renda, a queda da inadimplência como efeito do programa Desenrola e o início da flexibilização monetária pelo Banco Central.

Deixe seu comentário

Só para assinantes