Preço do diesel fecha outubro com poucas mudanças nos postos do país, diz Ticket Log

SÃO PAULO (Reuters) - O preço médio do diesel no Brasil oscilou pouco ao longo de outubro nos postos, apontou nesta quarta-feira o Índice de Preços Edenred Ticket Log (IPTL), uma vez que o produto importado tem colaborado para manter as cotações sob controle.

No fechamento do mês, o diesel comum encerrou a 6,15 reais o litro, alta 0,16% ante a primeira quinzena de outubro, e o S-10, o mais vendido no país, permaneceu estável 6,35 reais/litro.

Em relação a setembro, também houve pouca mudança, segundo a pesquisa que consolida o comportamento de preços das transações nos postos de combustível, com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Edenred Ticket Log.

"Os aumentos no preço do diesel não foram tão expressivos, mesmo após o reajuste de 6,6% no valor do diesel repassado às refinarias, válido desde o último dia 21 de outubro", disse o diretor-geral de Mobilidade da Edenred Brasil, Douglas Pina, ao citar o reajuste da Petrobras.

Ele explicou que a pequena variação no preço do diesel nas bombas de abastecimento é reflexo do aumento das importações de diesel, "que resultou em estabilidade no valor do combustível".

No recorte regional, o Centro-Oeste e o Nordeste apresentaram recuos no preço dos dois tipos de diesel, em relação a primeira quinzena de outubro.

O Nordeste registrou as maiores reduções, de 0,63% para o diesel comum e 0,31% para o S-10. O Norte apresentou as médias mais altas do país, de 6,69 reais para o comum e 6,71 reais para o S-10.

Já o Sul, apesar de comercializar os combustíveis mais baratos do Brasil, registrou as altas mais expressivas, de 0,34% para o tipo comum e 0,33% para o tipo S-10.

(Por Roberto Samora)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes