JPMorgan tem lucro anual recorde, mas queda no 4º tri

(Reuters) - O JPMorgan Chase divulgou nesta sexta-feira seu melhor lucro anual de todos os tempos e previu receita de juros maior do que a esperada para 2024, apesar da queda no resultado do quarto trimestre devido a encargo de 3 bilhões de dólares para um fundo de seguro de depósitos do governo.

O maior banco dos Estados Unidos se beneficiou da aquisição do falido First Republic Bank em maio, que trouxe bilhões de dólares em empréstimos e reforçou sua receita líquida de juros (NII) - a diferença entre o que os bancos fazem em empréstimos e pagam em depósitos.

O banco disse que espera uma NII de 90 bilhões de dólares para o ano inteiro. Esse valor é superior às estimativas de 86,2 bilhões de dólares de analistas, de acordo com dados da LSEG. No trimestre, a NII aumentou 19%, atingindo um recorde de 24,2 bilhões de dólares.

O presidente-executivo do JPMorgan, Jamie Dimon, disse que a economia dos EUA continuou a ser resiliente e que os mercados esperam uma aterrissagem suave. Mas ele se mostrou cauteloso sobre as perspectivas de inflação e taxas de juros.

"Há também uma necessidade contínua de aumentar os gastos devido à economia verde, à reestruturação das cadeias de suprimentos globais, ao aumento dos gastos militares e ao aumento dos custos de saúde. Isso pode levar a inflação a ser mais rígida e os juros serem mais altos do que os mercados esperam", disse Dimon.

O lucro do quarto trimestre foi de 9,31 bilhões de dólares, ou 3,04 dólares por ação, para os três meses encerrados em 31 de dezembro, informou o banco nesta sexta-feira. Isso se compara a 11,01 bilhões, ou 3,57 dólares por ação, um ano antes. O lucro anual atingiu recorde de 49,6 bilhões de dólares.

O banco teve um salto de 12% na receita, para 38,57 bilhões de dólares.

O JPMorgan e vários bancos importantes dos EUA são obrigados a pagarem a maior parte dos 16 bilhões de dólares de reposição do fundo de seguro de depósitos da  Federal Deposit Insurance Corporation, que foi drenado após a falência do Silicon Valley Bank e do Signature Bank no ano passado.

(Por Niket Nishant)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes