Bolsas

Câmbio

Azul vai oferecer desconto para cliente que não despachar bagagens

A Azul informou nesta quinta-feira que terá uma nova política de tarifas para bagagens, que será introduzida gradativamente para os mercados nos quais a empresa opera no Brasil, a partir da próxima terça-feira (dia 14). Segundo a companhia, haverá preços reduzidos para quem não despachar.


As passagens da Azul estarão classificadas em duas categorias: a "MaisAzul" e a "Azul". A primeira mantém a prática tarifária atual, incluindo franquia de 23 kg de bagagem e sempre estará disponível para compra.


Ao optar pela categoria Azul, que é a nova opção, o passageiro pagará mais barato pela passagem na comparação com a tarifa MaisAzul e poderá escolher pela compra ou não do serviço de bagagem despachada. Nessa modalidade, se o passageiro mudar de ideia, poderá incluir os 23 kg de bagagem por R$ 30.


Caso o cliente ultrapasse essa cota de 23 kg, será mantida a atual cobrança por quilo excedente.


A partir do dia 14, mais de 16 cidades partindo de Campinas já contarão com tarifas reduzidas nessa categoria.


A Latam também lançou uma nova política de tarifas.


As empresas estão se adaptando às novas regras do setor determinadas pela Agência Nacional e Aviação Civil (Anac), que começam a valer em 14 de março.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos