Bolsas

Câmbio

Avianca recebe autorização para voos domésticos na Argentina

A Avianca Holdings recebeu nesta quinta-feira o sinal verde do governo argentino para operar no país rotas domésticas.A empresa controlada pelo empresário German Efromovich, irmão de José Efromovich, dono da Avianca Brasil, era uma das cinco candidatas que tinham sido autorizadas, em março último, pela administração da Aviação Civil Nacional, órgão regulador do setor na Argentina, a disputar 135 novas rotas que o governo abriu para voos regionais.


Mas a Avianca teve a autorização prévia suspensa temporariamente, por causa de investigações do promotor federal do país, Jorge Di Lello, que acusava o presidente argentino, o pai dele, Franco Macri, e o ministro dos Transportes, Guillermo Dietrich, de irregularidades na aeronáutica, incluindo benefícios à Avianca.


A suspeita foi aberta após a Avianca comprar uma empresa local, a MacAir ? que pertencia ao pai do presidente argentino. O plano da empresa de Efromovich era queimar etapas no processo burocrático e de certificação. Mas, para o promotor, a aquisição só ocorreu graças à interferência do presidente em favor do pai.


Com a decisão do governo argentino publicada hoje no "Diário Oficial" do país, a Avianca poderá fazer voos de passageiros e de cargas em rotas, incluindo voos ligando Buenos Aires a Santa Fé, Rosário, Puerto Madryn e Mar del Plata.


A companhia recebeu ainda autorização para voos entre Buenos Aires e capitais fora do país, como Porto Alegre, no Brasil, e Montevidéu, no Uruguai.


A Avianca se junta às aéreas American Jet, Andes e Alas del Sur, que tinham recebido em março rotas locais para operar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos