Bolsas

Câmbio

Azul registra alta de 14% no tráfego de passageiros em janeiro

A Azul, terceira maior companhia aérea do país, registrou em janeiro um aumento de 14% no tráfego medido em passageiros-quilômetros transportados (RPKs) em relação a janeiro de 2017.A expansão foi puxada pelas rotas internacionais, que tiveram incremento de 66,4% no tráfego. No mercado doméstico, a alta foi de 2,7%, na comparação com igal período anterior.


A companhia iniciou novas rotas para a América do Sul, Estados Unidos e Portugal. Como esses voos foram lançados ao longo de 2017, e a base de comparação era baixa ? uma vez que a companhia tinha pouco tráfego internacional há um ano ?, o incremento percentual da demanda na malha internacional foi bem maior que no mercado doméstico.


Reflexo desse quadro, a capacidade da Azul, medida em assentos-quilômetros disponíveis (ASK), cresceu apenas 1,2% no mercado doméstico, mas 71% nas rotas internacionais, determinando para todo o sistema da companhia uma variação positiva de 12,3%.


Mesmo com o incremento dos voos internacionais, a malha internacional ainda representa 25,9% do tráfego e 24,1% da capacidade totais da empresa.


Esses indicadores de demanda e capacidade ? RPK e ASK - consideram passageiros transportados por quilômetros voados. Assim, voos mais longos, caso típico das rotas internacionais, têm maior relevância que os voos domésticos para essas medidas.


Em termos de taxa de ocupação, a Azul encerrou janeiro com média de 85,4% em todo sistema, sendo 83,4% para o indicador nas rotas domésticas e 91,4% no caso dos voos internacionais. Um ano antes, esses indicadores eram, respectivamente, de 84,1%, 82,2% e 94%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos