Bolsas

Câmbio

Ao VivoDireto da Bolsa

Cobertura de notícias sobre mercados, ações e investimentos no Brasil e no exterior

Dólar cai a R$ 2,694 após 4 altas seguidas, com Petrobras e exterior

O dólar comercial fechou em queda nesta terça-feira (3), após quatro altas seguidas. A moeda norte-americana recuou 0,78%, cotada a R$ 2,694 na venda. A cotação do dólar reagiu a notícia da Folha de S.Paulo de que a presidente da Petrobras, Graça Foster, deve deixar o cargo, e com o bom humor no exterior devido à esperança de uma solução para o impasse da dívida na Grécia. Na segunda-feira (2), a moeda norte-americana havia subido 0,96% e chegado ao maior patamar em mais de um mês, a R$ 2,715. Em janeiro, a alta acumulada foi de 1,15%.  Deixe sua opinião (Com ReutersLeia Mais

Petrobras sobe 15,5% com possível saída de Graça e puxa a Bolsa

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou a sessão desta terça-feira (3) em alta de 2,76%, a 48.963,66 pontos. O resultado foi puxado pelo avanço das ações da Petrobras, após notícia da Folha de S.Paulo sobre a possível saída da presidente Maria das Graças Foster do comando da estatal. O Palácio do Planalto nega a informação. Os papéis ordinários da Petrobras (PETR3), com direito a voto, ganharam 14,24%, a R$ 9,79. Os preferenciais (PETR4), com prioridade na distribuição de dividendos, avançaram 15,47%, a R$ 10, o maior ganho diário em 16 anos. Também repercutiu positivamente no Ibovespa a divulgação do resultado trimestral do Itaú Unibanco, acima do esperado pelo mercado. As ações do banco (ITUB4) fecharam em alta de 2,79%, a R$ 34,25. A maior alta da Bolsa nesta terça foi a da construtora e incorporadora PDG (PDGR3). As ações da empresa subiram 19,15%, a R$ 0,56. Deixe sua opinião (Com Reuters)   Leia Mais

Bolsas da Europa fecham em alta após impasse sobre dívida grega

O principal índice europeu de ações fechou perto da máxima em sete anos nesta terça-feira (3). A alta foi puxada por ações de bancos gregos, diante de esperanças de que o impasse em torno da dívida do país pode ser resolvido após o novo governo dar um passo para trás em seus pedidos por um perdão parcial. O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, subiu 0,75%, a 1.478 pontos. A Bolsa da Inglaterra subiu 1,32%, a 6.871 pontos. A da Alemanha avançou 0,58%, a 10.890 pontos. O mercado de ações na França fechou em alta de 1,09%, a 4.677 pontos. Na Itália, a Bolsa fechou em alta de 2,57%, a 21.011 pontos. Na Espanha, a alta foi de 2,62%, a 10.598 pontos, e em Portugal, de 1,75%, a 5.304 pontos. Deixe sua opinião (Com Reuters

BC não deve mudar atuação no mercado de câmbio, diz fonte

O Banco Central não tem intenção de mudar o rumo de suas atuações no câmbio, pelo menos por enquanto, e mantém em aberto a possibilidade de estender suas intervenções diárias no mercado para além de março, indicou à agência de notícias Reuters uma importante fonte da equipe econômica. As especulações no mercado sobre os próximos passos do BC no câmbio cresceram depois que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, sugeriu na sexta-feira (30) que não há intenção do governo de manter a moeda brasileira valorizada artificialmente. "Não tem nada disso. Foi um comentário ruim num dia ruim", afirmou a fonte, que falou sob condição de anonimato. Deixe sua opinião (Com Reuters

Mais uma agência de risco rebaixa nota da Petrobras

A agência de classificação de risco Fitch cortou a nota da dívida da Petrobras em moeda estrangeira, de "BBB" para "BBB-". A perspectiva é negativa, ou seja, a agência pode fazer um novo corte em breve. A mudança afeta cerca de R$ 50 bilhões em dívidas da empresa. A decisão foi motivada pelas "incertezas crescentes e prolongadas sobre a capacidade da empresa de estimar e registrar" em seu balanço as perdas com corrupção "de maneira apropriada", segundo a Fitch. Na semana passada,  outra agência, a Moody’s, tinha rebaixado todas as notas da estatal. A petroleira está envolvida num escândalo de corrupção, investigado pela operação Lava Jato. Deixe sua opinião (Com Reuters

Bolsa opera em alta de 2,46%, e dólar registra queda de 0,68%, a R$ 2,70

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, operava em alta nesta terça-feira (3), com as ações da Petrobras (PETR4, PETR3) avançando até 14% após notícia sobre a saída de Graça Foster da presidência da estatal. O Palácio do Planalto nega a informação. Por volta das 16h20, o índice subia 2,46%, a 48.821,50 pontos. No mesmo momento, o dólar comercial registrava queda de 0,678%, a R$ 2,695 na venda. Deixe sua opinião

Norte-americana do agronegócio, ADM tem lucro recorde no 4º trimestre

A gigante norte-americana do agronegócio Archer Daniels Midland (ADM) registrou um lucro maior no quarto trimestre de 2014, de US$ 701 milhões, ante US$ 374 milhões no mesmo período de 2013.  O resultado é devido a fortes exportações de grãos após uma safra recorde nos Estados Unidos e boas margens de processamento de soja na América do Norte e na Europa, informou a companhia nesta terça-feira (3). O lucro ajustado da empresa ficou em US$ 1 por ação. A estimativa média de analistas ouvidos pela agência de notícias Reuters era de US$ 0,94 por ação. Deixe sua opinião (Com Reuters) Leia Mais

Petrolífera BP sai de lucro para prejuízo de US$ 4,41 bilhões no 4º tri

A petrolífera britânica BP teve prejuízo de US$ 4,41 bilhões no quarto trimestre de 2014, de acordo com balanço divulgado nesta terça-feira (3). No mesmo período de 2013, a empresa teve lucro de US$ 1,04 bilhão. A principal responsável pela perda entre outubro e dezembro foi uma baixa contábil total de US$ 6,49 bilhões causada em sua maior parte pela deterioração das estimativas para o segmento de exploração e produção. A área responsável pela extração da commodity recebeu baixa de US$ 5,49 bilhões, com piores perspectivas no Mar do Norte e em Angola, e a de refino teve perda de US$ 517 milhões pela reavaliação de ativos. No acumulado de 2014, o lucro recuou 83,9%, para US$ 3,78 bilhões. Para 2015, a petrolífera projeta que sua produção total deve aumentar em relação ao ano passado, mas também acredita em ambiente deteriorado e pior resultado no segmento de refino. Deixe sua opinião (Com Valor) Leia Mais

BC da Índia mantém taxa de juros em 7,75%

O Banco Central da Índia manteve nesta terça-feira (3) a taxa de juros praticada no país, de 7,75%, como era esperado por analistas. Ao mesmo tempo, decidiu aumentar a liquidez dos bancos em uma tentativa de convencê-los a reduzir as taxas de empréstimo. o BC cortou a parcela mínima de depósitos líquidos que os bancos têm que manter em títulos do governo, dinheiro ou ouro em 0,5 ponto percentual, para 21,5%, a partir de 7 de fevereiro. Deixe sua opinião (Com Reuters) Leia Mais

Bolsa avança 2,67%, e dólar opera em leve queda, perto de R$ 2,71

Com a alta das ações da Petrobras chegando a mais de 14% após notícia da Folha de S.Paulo sobre a saída de Graça Foster do comando da estatal, a Bolsa operava em alta nesta terça-feira (3). Às 15h25, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, registrava alta de 2,67%, a 48.925,10 pontos. O dólar comercial tinha leve queda, de 0,16%, cotado a R$ 2,711 na venda.  Deixe sua opinião

Ação da Petrobras sobe 14% com possível saída de Graça Foster

As ações da Petrobras ampliavam a alta nesta terça-feira (3), após o jornal Folha de S.Paulo noticiar que o Palácio do Planalto teria informado a presidente da estatal, Maria das Graças Foster, de que ela será substituída no cargo. O Palácio do Planalto nega a informação. Por volta das 15h, as ações preferenciais (PETR4) avançando 13,63%, a R$ 9,84. Na máxima, elas chegaram a subir mais de 14%. As ordinárias (PETR3) ganhavam 12,72%, a R$ 9,66. No mesmo momento, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, subia 2,72%. Deixe sua opinião

Empresa do pré-sal, chinesa Cnooc reduz orçamento para 2015

A petrolífera chinesa Cnooc, subsidiária da estatal China National Offshore Oil Corporation, reduziu de 26% a 35% seu orçamento para este ano. A empresa anunciou que espera investir de 70 bilhões de yuans a 80 bilhões de yuans, o equivalente a cerca de US$ 11,2 bilhões a US$ 12,8 bilhões. Segundo o comunicado, do montante reservado para 2015, 21% irá para exploração de novos campos, 67% para o desenvolvimento das operações atuais e 10% para a produção. A Cnooc é uma das integrantes do consórcio que foi o único participante e levou o leilão do campo de Libra, localizado no pré-sal da Bacia de Santos. O empreendimento, que conta com participação de 40% da Petrobras, 20% da Royal Dutch Shell, 20% da Total, e 10% de cada uma das chinesas CNPC e Cnooc, teve seu primeiro poço perfurado em outubro. Deixe sua opinião (Com Valor) Leia Mais

EUA investigam agência de risco Moody's por crise financeira em 2009

O Departamento de Justiça norte-americano investiga a agência de classificação de risco Moody's por emitir avaliações favoráveis –as chamadas notas AAA, as máximas possíveis– a contratos de hipoteca residencial de baixa qualidade antes da crise financeira em 2009, segundo informações do jornal "The Wall Street Journal". As notas teriam levado investidores a fazer aplicações relacionadas a esses papéis imaginando correr baixo risco de calote pouco antes do mercado imobiliário ruir. A Moody's rebaixou, na última quinta-feira (29) todas as notas de crédito da PetrobrasDeixe sua opinião (Com Folha de S.Paulo) Leia Mais

Racionamento de energia pode afetar crédito de geradoras, diz Fitch

A agência de classificação de risco Fitch disse nesta terça-feira (3) que a dificuldade de recuperação dos reservatórios de geradoras de energia aumenta a probabilidade de que um racionamento de energia ocorra no Brasil. Segundo a agência, o racionamento tem potencial para impactar a qualidade do crédito de distribuidoras e geradoras hidrelétricas. Companhias de transmissão e geradoras baseadas em fontes independentes de recursos hídricos não devem ser afetadas, acrescentou a agência. Deixe sua opinião (Com Reuters)   

Bolsa opera em alta de 2,31%, e dólar registra queda de 0,67%, a R$ 2,70

Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, registrava alta nesta terça-feira (3), com avanço ações da Petrobras, diante de notícias sobre a possível saída de Graça Foster do comando da estatal. Por volta das 14h10, o Ibovespa, operava em alta de 2,31%, a 48.753,26 pontos. A alta atraía investidores estrangeiros para o mercado brasileiro, ajudando o dólar a recuar após quatro sessões de alta. O dólar comercial, no mesmo horário, recuava 0,67%, cotado a R$ 2,697 na venda. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Estrangeiros foram 52% dos investidores na Bolsa em janeiro

Os investidores estrangeiros representaram 52,2% dos investidores da Bovespa em janeiro, o que representa um aumento em relação a janeiro do ano passado (46,9%), mas uma queda em relação a dezembro (53,7%). Os investidores institucionais (empresas e fundos) eram 27,2% no mês passado, e as pessoas físicas compunham 14,6% da Bolsa brasileira. A média diária de dinheiro movimentado foi de R$ 6,665 bilhões, uma alta de 7,1% em relação a janeiro de 2014, mas uma queda de 14,7% na comparação com dezembro. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Braço de seguros do BB chega a superar banco em valor de mercado

A BB Seguridade (BBSE3) chegou a superar seu controlador, o Banco do Brasil (BBAS3) em valor de mercado nesta segunda-feira (2). Após alta de 2,04% da ação, a BB seguridade fechou o dia avaliada em R$ 60 bilhões. Enquanto isso, a ação do BB recuou 2,2%, fazendo o valor de mercado do maior banco do país em ativos cair a R$ 57,88 bilhões. Nesta terça, a ação da BB Seguridade operava praticamente estável, enquanto a do Banco do Brasil subia mais de 1%. Deixe sua opinião (Com Reuters) Leia Mais

Planalto nega ter informado Graça Foster sobre saída da Petrobras

A secretaria de imprensa do Palácio do Planalto negou que a presidente da Petrobras, Graça Foster, tenha sido informada de sua saída do cargo, segundo a agência de notícias Reuters. A Petrobras também foi procurada para comentar o assunto, mas não respondeu imediatamente. A "Folha de S.Paulo" informou mais cedo nesta terça-feira (3) que o Planalto já teria avisado Foster que ela seria substituída. Segundo o jornal, a presidente Dilma Rousseff está convencida de que a posição de Graça Foster é "insustentável" na presidência da estatal. Deixe sua opinião (Com Reuters) Leia Mais

Encomendas à indústria dos EUA recuam 3,4% em dezembro

As encomendas à indústria dos Estados Unidos caíram pelo quinto mês consecutivo em dezembro, informou o Departamento de Comércio nesta terça-feira (3). A queda teve um ritmo menor do que o relatado antes em planos de gastos empresariais, o que sustenta a percepção de recuperação nos próximos meses. Segundo o órgão, as novas encomendas de bens manufaturados diminuíram 3,4%, com a demanda caindo sobre um amplo setor de indústrias. As encomendas de novembro foram revisadas para mostrar queda de 1,7%, em vez da retração de 0,7%o vista antes. Economistas consultados pela agência de notícias Reuters previam que as novas encomendas recebidas pelas fábricas recuariam 2,2%. As encomendas de bens de capital não ligados à defesa, excluindo aeronaves, tidas como uma medida de planos de confiança empresarial e gastos, caíram 0,1%, ante queda de 0,6% relatada no mês passado. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Itaú não planeja aumentar reservas para perdas com calotes

O Itaú Unibanco (ITUB3ITUB4) não tem planos de fazer reservas extraordinárias de curto prazo para perdas com calotes, disse nesta terça-feira (3) o presidente-executivo do banco, Roberto Setúbal, sugerindo que está confortável com os níveis atuais, mesmo com a deterioração da economia. A previsão é de fazer reservas de R$ 13 bilhões a R$ 15 bilhões este ano e "assumir todos os cenários potenciais para um ano difícil", disse Setúbal a jornalistas. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Bovespa opera em alta de quase 2%, e dólar recua 1,13%, a R$ 2,70

A alta das ações da Petrobras (PETR4PETR3) diante de notícias de mudança no comando da estatal fazia a Bovespa avançar quase 2% nesta terça-feira (3). Por volta das 13h10, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, operava em alta de 1,94%, a 48.574,02 pontos. A alta atraía investidores estrangeiros para o mercado brasileiro, ajudando o dólar a recuar após quatro sessões de alta. O dólar comercial, no mesmo horário, recuava 1,13%, cotado a R$ 2,696 na venda. Contribuía também o recuo do dólar no exterior, depois de a Grécia desistir de pedir perdão parcial de sua dívida. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Bolsas dos EUA abrem em alta com expectativa sobre Grécia

As principais bolsas dos Estados Unidos abriram em alta nesta terça-feira (3), influenciadas pelas expectativas de um acordo sobre a dívida da Grécia e pelos preços do petróleo mais firmes. Às 12h37, o índice Dow Jones subia 0,85%, a 17.509 pontos, enquanto o índice Standard & Poor's 500 tinha ganho de 0,76%, a 2.036 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq subia 0,58%, a 4.703 pontos. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Ação da Petrobras sobe 8,55% após notícia sobre saída de Graça Foster

As ações da Petrobras ampliavam a alta nesta terça-feira (3), após o jornal Folha de S.Paulo noticiar que o Palácio do Planalto teria informado a presidente da estatal, Maria das Graças Foster, de que ela será substituída no cargo. O Palácio do Planalto nega a informação. Por volta das 12h45, as ações da companhia lideravam os ganhos da Bolsa, com as ações preferenciais (PETR4) avançando 8,55%, a R$ 9,40. Na máxima, elas chegaram a subir quase 10%. As ordinárias (PETR3) ganhavam 7,82%, a R$ 9,24. No mesmo momento, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, subia 1,97%. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Aneel autoriza aumento de 45,7% nas tarifas de luz da CPFL Jaguari

A diretoria da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) aprovou nesta terça-feira (3) reajuste médio de 45,7% nas tarifas da CPFL Jaguari, a ser aplicado a partir de hoje. A CPFL Jaguari atende cerca de 37 mil consumidores na região de Jaguariúna, no interior de São Paulo. Os consumidores de baixa tensão, como as residências, terão aumento médio de 39,49%, enquanto para os de alta tensão, como as indústrias, o aumento médio será 48,85%. O diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino, disse que, percentualmente, o impacto do pagamento do empréstimo das distribuidoras no reajuste foi maior porque o patamar da tarifa da empresa era menor do que a das outras concessionárias que estão tendo reajustes aprovados nesta terça-feira. Deixe sua opinião (Com Reuters)

BC inicia rolagem dos contratos de dólar que vencem em março

O Banco Central deu início, nesta terça-feira (3), à rolagem dos contratos de swap cambial tradicional (equivalentes à venda futura de dólares) que vencem em 2 de março. Foram vendidos 13 mil swaps: 8.250 com vencimento em 1º de abril de 2016 e os outros 4.750 para 1º de junho do ano que vem. A operação movimentou o equivalente a US$ 631,7 milhões. Com isso, o BC rolou cerca de 12% do lote total, correspondente a US$ 10,438 bilhões. Se o BC vender 13 mil contratos por dia até o penúltimo dia útil do mês, como tem feito nos últimos meses, irá rolar quase 100% do lote total, como fez nos últimos cinco meses. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Bolsa opera em alta de 1,97%, e dólar recua 0,56%, a R$ 2,70

Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, operava em alta nesta terça-feira (3), em meio a avanço das ações da Petrobras (PETR3PETR4), após notícia sobre a saída de Graça Foster da presidência da estatal. Por volta das 12h10, o Ibovespa registrava alta de 1,97%, a 48.587,57 pontos. O dólar comercial operava em queda de 0,56%, a R$ 2,70 na venda.  "O mercado está um pouco resguardado. O dólar subiu muito nos últimos dias, é preciso tomar fôlego antes de fazer mais movimentos", disse o operador de câmbio da corretora Intercam, Glauber Romano. Apenas nas últimas duas sessões, o dólar transformou a queda de 1,75% que havia acumulado neste mês em alta de mais de 2%. O movimento veio após o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, afirmar que não há intenção de manter o câmbio sobrevalorizado, o que alimentou especulações de que o Banco Central poderia reduzir sua presença no mercado em breve. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Ministro das Finanças grego tem reunião no BCE amanhã

O ministro das Finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, participará de uma reunião no Banco Central Europeu (BCE) na quarta-feira (4), disse um porta-voz do BCE. A reunião não tem relação com um encontro paralelo do Conselho do BCE. Mais cedo, uma fonte do governo grego disse que Varoufakis vai se reunir com o presidente do BCE, Mario Draghi, nesta semana.Uma segunda fonte afirmou que Varoufakis visitará o BCE em Frankfurt na quarta-feira, mas não podia confirmar se ele se reunirá com Draghi. A fonte do governo também disse que Varoufakis, que está visitando Roma nesta terça-feira como parte de seus esforços para angariar apoio a um novo acordo sobre a dívida grega, vai se encontrar nos próximos dias com o ministro das Finanças da Alemanha, Wolfgang Schaeuble, como anunciou o próprio Varoufakis no domingo. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Ação da Petrobras sobe 9,12% após notícia sobre saída de Graça Foster

As ações da Petrobras ampliavam a alta nesta terça-feira (3), após o jornal Folha de S.Paulo noticiar que o Palácio do Planalto teria informado a presidente da estatal, Maria das Graças Foster, de que ela será substituída no cargo. Às 11h34, as ações preferenciais da estatal (PETR4) avançavam 9,12%, tendo subido quase 10% na máxima, e as ordinárias (PETR3) ganhavam 8,87%. No mesmo horário, o Ibovespa ganhava 2,37%. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Gafisa aprova programa de recompra de até 27 milhões de ações

O Conselho de Administração da Gafisa (GFSA3) aprovou novo programa de recompra de até 27 milhões ações, correspondentes a 10% dos papéis em circulação, em reunião realizada na segunda-feira (3). A aquisição será feita por meio de débito da conta da reserva de investimentos, no montante de R$ 437,2 milhões, de acordo com documento enviado à CVM (Comissão de Valores Mobiliários). Na segunda, as ações da Gafisa fecharam o dia com alta de 0,53%, a R$ 1,91. Por volta das 11h15 desta terça-feira (3), as ações avançavam 3,14%, a R$ 1,97. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Bovespa chega a subir 1,33%, e dólar opera estável, perto de R$ 2,713

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, operava em alta nesta terça-feira (3), em meio a novo avanço dos preços do petróleo internacional, o que beneficia as ações da Petrobras (PETR3, PETR4), e à repercussão positiva do resultado trimestral do Itaú Unibanco. Por volta das 11h10, o Ibovespa registrava alta de 1,33%, a 48.285,99 pontos. O dólar comercial operava estável, com queda de 0,07%, a R$ 2,713 na venda.  Deixe sua opinião (Com Reuters)

Levy autoriza financiamento do BB para Minha Casa Minha Vida no DF

O Ministério da Fazenda autorizou contrato de financiamento de R$ 67,8 milhões entre o Distrito Federal e o Banco do Brasil (BBAS3), cujos recursos serão destinados ao financiamento das contrapartidas do programa de habitação popular Minha Casa Minha Vida. O aval foi dado em despacho do ministro Joaquim Levy, publicado na edição desta terça-feira (3) do Diário Oficial. O contrato de garantia da operação será firmado entre a União e o DF, com a mediação do BB. Já o contrato de vinculação de receitas e de cessão e transferência de crédito, em contragarantia, será celebrado entre a União e o DF, com a mediação do BB e do Banco de Brasília. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Ações do Itaú Unibanco sobem até 2,79% após divulgação de lucro

As ações do Itaú Unibanco avançavam nos primeiros negócios desta terça-feira (3) na Bovespa, após o banco divulgar o lucro líquido em 2014. O maior banco privado do país anunciou nesta terça que seu lucro somou R$ 5,52 bilhões no ano, alta de 18,8% na comparação com 2013. Às 10h34, as ações preferenciais do Itaú (ITUB4) subiam 2,79%, a R$ 34,25. As ações ordinárias (ITUB3) subiam 2,36%, a R$ 31,22. No mesmo momento, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, registrava alta de 1,46%. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Ações da Petrobras operam em alta e chegam a subir 4,67%

As ações da Petrobras lideravam as altas do Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, logo após a abertura dos negócios nesta terça-feira (3), em nova sessão de alta dos preços do petróleo no mercado internacional. Por volta das 10h40, as ações preferenciais da estatal (PETR4) subiam 4,16%, a R$ 9,10, enquanto as ordinárias (PETR3) ganhavam 4,67%, a R$ 9. No mesmo momento, o Ibovespa avançava 1,62%. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Santander Brasil tem lucro de R$ 2,16 bilhões em 2014, alta de 2,6%

O Santander Brasil (SANB11) registrou lucro líquido de R$ 2,161 bilhões em 2014, o que representa uma alta de 2,6% sobre o lucro de 2013. Só no quarto trimestre, o banco lucrou R$ 578,4 milhões, alta de 15,7% na comparação com o mesmo período de 2013. O lucro do banco espanhol Santander como um todo cresceu 39,3% em 2014 e fechou o ano em 5,816 bilhões de euros, perto do previsto. Deixe sua opinião (Com Reuters) Leia Mais

Lucro do Itaú Unibanco sobe 28,9% em 2014 e chega a R$ 20,4 bilhões

O Itaú Unibanco (ITUB3, ITUB4) divulgou nesta terça-feira (3) um lucro líquido de R$ 20,242 bilhões em 2014. Isso representa uma alta de 28,9% em relação ao lucro de 2013, que tinha sido de R$ 15,695 bilhões. A carteira de crédito do banco fechou o ano em R$ 525,519 bilhões. Só no quarto trimestre, a empresa teve lucro líquido de R$ 5,52 bilhões. O número superou o resultado do terceiro trimestre (R$ 5,404 bilhões) e do quarto trimestre de 2013 (R$ 4,646 bilhões).  Deixe sua opinião (Com Reuters) Leia Mais

Bovespa opera em alta de 2,06%, e dólar cai 0,32%, a R$ 2,707

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, operava em alta de 2,06%, a 48.632,23 pontos, por volta das 10h10 desta terça-feira (3). No mesmo momento, o dólar comercial caía 0,32%, a R$ 2,707 na venda, após fechar a sessão anterior com o maior valor em um mês e meio. O Banco Central anunciou o início das rolagens dos contratos de swaps cambial tradicional (equivalentes à venda futura de dólares) que vencem em março. Nesta manhã, o BC deu continuidade às intervenções diárias no mercado de câmbio, vendendo 2 mil novos swaps. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Itaú Unibanco aprova pagamento de dividendos referentes a 2014

O Conselho de Administração do Itaú Unibanco (ITUB3ITUB4) aprovou o pagamento de dividendos de R$ 0,306 por ação referente ao exercício de 2014, conforme divulgado ao mercado nesta terça-feira (3). O Conselho do banco também aprovou de pagamento de R$ 0,538 real por ação em juro sobre capital próprio complementar do exercício do ano passado. O pagamento dos valores será feito em 26 de fevereiro, tendo como base a posição acionária registrada no dia 10 do mesmo mês. Deixe sua opinião (Com Reuters) Leia Mais

BC vende 2.000 novos contratos de dólar no mercado futuro

O Banco Central deu continuidade, nesta terça-feira (3), às intervenções diárias no mercado de câmbio já sob as novas regras anunciadas. Foram vendidos 2.000 contratos de swap cambial tradicional (equivalentes à venda futura de dólares): 200 com vencimento em 1º de dezembro deste ano e os outros 1.800 para 1º de fevereiro do ano que vem. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Telefónica diz que aumento de capital não passará de 3,4 bilhões de euros

O grupo espanhol de telecomunicações Telefónica informou nesta terça-feira (3) que não tem planos de realizar um aumento de capital maior que os 3,4 bilhões de euros (US$ 4 bilhões) anunciados no ano passado para financiar a aquisição da GVT no Brasil. O vice-presidente financeiro da empresa, Angel Vila, disse à agência de notícias Reuters que notícias sobre um aumento de capital de até 5 bilhões de euros são "totalmente infundadas".O aumento de capital necessário para financiar a aquisição da GVT não deve ocorrer antes de março, uma vez que autoridades reguladoras do Brasil ainda têm que dar aprovação final à operação. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Dólar abre estável, perto de R$ 2,72, após quatro altas seguidas

O dólar comercial operava estável nesta terça-feira (3), após fechar a sessão anterior com o maior valor em um mês e meio. Por volta das 9h15 desta terça, o dólar subia 0,03%, a R$ 2,716 na venda. O Banco Central anunciou o início das rolagens dos contratos de swaps cambial tradicional (equivalentes à venda futura de dólares) que vencem em março. Nesta manhã, o BC dá continuidade às intervenções diárias no mercado de câmbio, ofertando até 2 mil swaps. Deixe sua opinião (Com Reuters)

Comente as notícias no Direto da Bolsa

O Direto da Bolsa tem espaço para comentários. Deixe sua opinião sobre as principais notícias do dia sobre ações, câmbio e investimentos no Brasil e no mundo.  

Bolsa da China salta 2,5%, e Japão tem queda de 1,3%

As principais Bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam sem uma tendência definida nesta terça-feira (3), em meio a preocupações com o crescimento econômico e o otimismo com a Grécia. A Bolsa da China saltou 2,47%; a de Sydney, na Austrália, subiu 1,46% depois que o banco central do país cortou a taxa de juros para impulsionar a economia. Taiwan também fechou em alta, de 0,66%, assim como Hong Kong, que subiu 0,29%. Por outro lado, a Bolsa do Japão recuou 1,27%; Cingapura perdeu 0,45%; e Seul, na Coreia do Sul, fechou quase estável, com leve queda e 0,04%.

Conversor de moedas

Resultado:

Cursos Online
UOL Cursos Online

Câmbio

Dólar comercial - 23/08/2019 17h00
Compra Venda Variação
Dólar com. 4,1231 4,1244 +1,15%
Dólar tur. 3,9600 4,2900 +1,42%
Euro 4,5909 4,5919 +1,77%
Libra 5,0576 5,0595 +1,43%
Pesos arg. 0,0746 0,0747 +1,08%

Fonte Thompson Reuters

Veja outras cotações

Bolsas de Valores

Bovespa - 23/08/2019 17h25 - 97.667,49
Variação
Brasil | Bovespa -2,34%
EUA | Nasdaq -3.00%
França | CAC 40 -1.14%
Japão | Nikkei +0.40%

Fonte Thompson Reuters

Veja outras cotações

Direto da Bolsa

Ação Variação Cotação
Veja outras cotações

Commodities

Venda Variação
Petróleo (Brent) US$ 58,950 0,0%
Ouro US$ 1527,600 +1,84%
Prata US$ 17,490 +2,23%
Platina US$ 863,600 -0,43%
Paládio US$ 1466,510 -1,78%

Fonte Thompson Reuters

Indicadores

Valor Atualização
Salário Mínimo R$ 954,00 2018
Global 40 +112,32% 25.Ago.2019
TR 0,0% 25.Ago.2019
CDI +5,9% 25.Ago.2019
SELIC +6,5% 01.ago.2018
IPCA +0,33% jul.18

Fonte Thompson Reuters

Inflação

Índice Mês Valor
IPCA jul.18 +0,33%
IPC-Fipe jul.18 +0,23%
IGP-M jul.18 +0,51%
INPC jul.18 +0,25%

Fonte Thompson Reuters

Últimas notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos