Bolsas

Câmbio

7 dicas para não ser atingido pela energia negativa da crise

Daniela do Lago

Daniela do Lago

  • iStock

Estamos vivendo um momento delicado no Brasil e o assunto comum que ouvimos em qualquer ambiente é a crise. Parece que a crise virou a desculpa oficial para quem não entrega resultados e a lamúria recorrente para tudo de ruim que acontece ao redor das pessoas.

Quando falamos em crise, desemprego, medo, insegurança sobre o futuro, estamos enviando uma mensagem para nosso inconsciente e, de certa forma, isso afeta a nossa vida e a das pessoas ao nosso redor.

'Climão' contagia

Independentemente do que você acredita, é fato que certos ambientes na empresa, assim que adentramos, nos fazem sentir um ligeiro desconforto. Assim como bom humor contagia, a energia negativa contamina qualquer ambiente de trabalho. É algo que não está escrito em nenhum lugar; simplesmente você sente.

Quem nunca entrou numa sala de reunião e sentiu "climão" pesado? Muitos profissionais já relataram estar se sentindo muito bem e, depois de conversar com alguém ou até mesmo visitar um departamento na empresa, saiu com dores de cabeça repentinas ou de estômago, um calafrio, uma tontura, queda ou aumento de pressão.

Isso afeta suas ações e decisões

Somos feitos de energia e convivemos com forças positivas e negativas, que se atraem ou se repelem. Já reparou que quando estamos com uma pessoa que vibra na mesma frequência que nós nos sentimos bem? E o exato contrário também acontece.

A questão principal é que, por causa da agitação do dia a dia ou mesmo de nossas preocupações, tendemos a não prestar muita atenção nesses pequenos sinais, e toda essa preocupação sobre a crise do país pode estar paralisando suas ações e o impedindo de tomar decisões inteligentes em sua vida.

7 dicas para se blindar

Aqui vão algumas dicas práticas que podem ajudá-lo de imediato a mudar a frequência negativa:

1) Continue trabalhando e empreendendo como se não existisse tal crise e pare de falar dela na área do café e pelos corredores da empresa. Não estou dizendo para se alienar do que esta acontecendo no país e no mundo. Informe-se, proteste e faça sempre a sua parte, mas não deixe que esse papo baixo astral contamine sua disposição em buscar resultados positivos na empresa. Existem infinitas possibilidades para sair de uma situação complicada. Libere sua mente para encontrar as alternativas possíveis.

2) Quando andar de carro, escute programas inspiradores no rádio. Os automóveis são as melhores universidades ambulantes do mundo. Ouça programas de autoaprimoramento ou podcasts de natureza educacional.

3) Invista no próprio conhecimento. Matricule-se em seminários ou cursos de extensão relacionados a algum tipo de aprimoramento pessoal ou profissional. Transforme as livrarias em um refúgio para "uma hora feliz". Não pense que sua empresa é a única responsável por prover treinamentos aos funcionários. Se nem você tem coragem em investir em seu próprio desenvolvimento, por que sua empresa teria que fazê-lo? Se estiver sem recursos financeiros no momento, pesquisa na internet, pois existem inúmeros cursos gratuitos disponíveis.

4) Não conte seus problemas às pessoas, a não ser que estejam diretamente envolvidos nas soluções. Indivíduos vitoriosos procuram aqueles que se mostram e se dizem bem-sucedidos. Sempre fale de modo positivo sobre os progressos que está tentando fazer no trabalho e em suas tarefas.

5) Encontre exemplos de pessoas bem-sucedidas pelos quais possa pautar seu comportamento. Quando encontrar uma "mente genial", torne-se um "mímico genial" e aprenda tudo o que puder sobre o modo pelo qual ela teve êxito na vida. Isso deve ocorrer principalmente com as coisas que teme. Descubra alguém que venceu o que amedronta você e saiba o que ela fez para conseguir vencer aquele medo.

6) Passe esse sábado (ou seu próximo dia de folga) realizando algo que realmente deseje fazer e que não comprometa suas finanças. E não me refiro ao mês que vem. É neste próximo sábado. Aprecie o fato de estar vivo e o quanto é capaz de fazer algo bacana em sua vida. Você merece isso. Nunca haverá alguém igual a você. Este sábado vai passar de qualquer maneira. Que tal dedicar ao menos um dia na semana a você?

7) Aplique todas as dicas de finanças que você já leu em tantos lugares e sabe que são o certo a ser feito com sua vida financeira. Sim, é possível se organizar em uma época tão complicada como a atual. Comece hoje.

Sabemos que a situação é séria e que enfrentaremos tempos difíceis pela frente, mas, se ficar somente falando sobre a crise resolvesse o problema, já estaríamos em outra situação. Precisamos encontrar alternativas plausíveis e, para isso, você deverá se aproximar de gente que esteja na mesma frequência, focada na solução e não lamentando o ocorrido.

Independentemente da instabilidade econômica, você pode criar hábitos saudáveis em sua vida para evitar problemas maiores e que o ajudarão a tomar decisões inteligentes neste momento tão delicado e preocupante. Mãos à obra!

Gostou do artigo? Útil para alguém? Então, compartilhe!

Daniela do Lago

Daniela do Lago é especialista em comportamento no trabalho, coach de carreira, mestre em administração e professora.

UOL Cursos Online

Todos os cursos