PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Carla Araújo

FAB transporta geradores e vai levar 51 toneladas de materiais ao Amapá

??Pouso do C-130 Hércules em Macapá-AP - Divulgação/Defesa
??Pouso do C-130 Hércules em Macapá-AP Imagem: Divulgação/Defesa
Carla Araújo

Jornalista formada em 2003 pela FIAM, com pós-graduação na Fundação Cásper Líbero e MBA em finanças, começou a carreira repórter de agronegócio e colaborou com revistas segmentadas. Na Agência Estado/Broadcast foi repórter de tempo real por dez anos em São Paulo e também em Brasília, desde 2015. Foi pelo grupo Estado que cobriu o impeachment da presidente Dilma Rousseff. No Valor Econômico, acompanhou como setorista do Palácio do Planalto o fim do governo Michel Temer e a chegada de Jair Bolsonaro à Presidência.

Do UOL, em Brasília

06/11/2020 19h36Atualizada em 09/11/2020 10h37

O ministério da Defesa informou nesta sexta-feira que a aviões militares transportaram geradores e vão enviar equipamentos para apoiar restabelecimento de energia no Amapá, estado atingido por uma apagão após um incêndio na Subestaçao de energia na última terça-feira.

Segundo a pasta, as Forças Armadas transportarão "51 toneladas de materiais que serão utilizados emergencialmente para restabelecer o fornecimento de energia elétrica no estado do Amapá". Além disso, as aeronaves levarão máquinas de purificação de óleo.

"A missão, que começou nesta sexta-feira, deve terminar no próximo sábado (07)", diz a pasta em nota. Conforme imagens divulgadas pela Defesa no início desta noite alguns aviões da FAB já pousaram na capital do estado.

A pasta, comandada pelo general Fernando Azevedo e Silva, ressaltou ainda no comunicado que além da operação no Amapá as Forças Armadas permanecem atuando diretamente em outras operações nacionais como no combate ao novo coronavírus (Operação Covid-19), nas queimadas na Amazônia (Operação Verde Brasil 2) e no apoio às eleições 2020.

Expectativa parcial

O reestabelecimento total da energia no Amapá deve levar até dez dias, conforme anunciou o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. Mais cedo, o ministro havia afirmado que a expectativa era de que, com a chegada dos geradores, ainda hoje seria possível reestabelecer cerca de 60% da energia no estado.

Em nota divulgada pelo ministério nesta noite, segue a expectativa de que boa parte da energia seja reestabelecida ainda hoje. "Existe uma perspectiva de que o nível necessário de purificação do óleo para acionamento do transformador número 3 seja atingido na noite desta sexta-feira e, com isso, seria possível restabelecer a carga de cerca 70% das necessidades elétricas dos 14 municípios atingidos com a falta de energia", diz.

O MME também listou algumas das viagens que a FAB realizará nas ações de reestabelecimento do fornecimento de energia elétrica no estado do Amapá.

"Uma aeronave C-130 Hércules da Força Aérea Brasileira (FAB) está se deslocando do Rio de Janeiro/RJ para São Luís/MA. Na capital do Maranhão, mais duas máquinas de purificação serão embarcadas na aeronave da FAB e transportadas para Macapá/AP, com a finalidade de aumentar o esforço de purificação do óleo do transformador número 3 que está na subestação", diz a pasta.-

De acordo com o ministério, os geradores serão distribuídos de acordo com definição do estado. "Uma aeronave KC-390 da FAB também se desloca de Boa Vista/RR para Manaus/AM a fim de transportar 4 geradores até Macapá/AP para atender, de forma emergencial, as atividades essenciais que serão designadas pelo Governo do Estado".

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.