Todos a Bordo

Todos a Bordo

Reportagem

Modelo de avião supersônico que faz Londres-NY em 4 h pode voar este ano

A Boom Supersonic pode realizar ainda este ano o primeiro voo com o protótipo do seu avião XB-1. O modelo é um protótipo reduzido do Overture, avião supersônico que quer ser o sucessor do Concorde.

Pronto para voar

Em agosto, o XB-1 já realizava testes em solo. Entre eles, os testes de táxi, que são fundamentais para garantir que o avião consiga se locomover antes e após o pouso.

XB-1 é um demonstrador do Overture. Ele funcionará como um modelo em escala menor do avião, sem capacidade para levar passageiros, e servirá para testar conceitos e verificar a viabilidade do projeto.

Avião já recebeu autorização de voo da FAA (Administração Federal de Aviação dos EUA). Órgão é similar à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) no Brasil.

Teste definitivo pode acontecer em breve. À revista Robb Report, o presidente da empresa, Blake Scholl, disse que a expectativa é que o primeiro voo seja feito ainda em 2023.

Caso os voos com o XB-1 tenham sucesso, projeto do Overture avançará significativamente. Caso não, o que se aprender com os possíveis problemas, como falhas aerodinâmicas, serão usados para corrigir o planejamento do avião.

O Overture

Concepção feita em computador do Boom Overture, novo jato supersônico que deve voar pela primeira vez em 2026
Concepção feita em computador do Boom Overture, novo jato supersônico que deve voar pela primeira vez em 2026 Imagem: Divulgação/Boom Supersonic

O avião, quando estiver pronto, deve fazer o voo entre São Paulo e Nova York (EUA) em 5 horas em vez das atuais 10 horas. De Londres (Inglaterra) a Nova York, a duração deverá ser de pouco menos de quatro horas frente às 8 horas e meia de hoje.

Continua após a publicidade

Apesar de ousada, a promessa já angariou fortes investidores. Diversas companhias do mercado, como United, American Airlines e Japan Airlines, já apostaram na compra de unidades do Overture.

Deve chegar a 1,7 vez a velocidade do som. Em sua altitude de voo, a cerca de 18 km acima do nível do mar, sua velocidade deverá ser em torno de 1.800 km/h (considerando que a velocidade do som diminui com a altitude).

Metade do tempo de voo. O valor é praticamente o dobro de aviões como o Boeing 777 e o Airbus A330, que voam a cerca de 880 km/h em altitude de cruzeiro.

Ele deve voar a distâncias de até 7.871 km, levando entre 65 e 80 passageiros. Além de novo desenho aerodinâmico, diferente da maioria dos aviões atuais, já que terá de suportar velocidades supersônicas, ele também será feito por materiais compostos, como a fibra de carbono.

Não repetir erros do Concorde

Interior do avião supersônico Overture, da Boom Supersonic
Interior do avião supersônico Overture, da Boom Supersonic Imagem: Divulgação/Boom Supersonic
Continua após a publicidade

Durante seu desenvolvimento, o avião acabou ficando mais leve. Isso se deve à presença destes materiais compostos, que são mais fáceis de fabricar hoje do que na época do Concorde.

Estando mais leve, consumirá menos combustível que seu antecessor. Ao mesmo tempo, como não levará carga e terá menos passageiros a bordo, o custo do voo deverá ficar mais caro.

Quando foi anunciado, o valor estimado da passagem era de US$ 100 por voos de até quatro horas. Esse valor foi atualizado posteriormente para US$ 5.000, mas ainda é cedo para definir, já que o projeto ainda precisa avançar para se ter certeza do seu custo operacional.

Motor precisou ser desenvolvido para ele. Anteriormente, a Boom Supersonic usaria motor desenvolvido por outra empresa, mas teve o contrato rescindido durante a elaboração do avião.

Symphony substituirá empresa que abandonou o projeto. O novo motor está sendo desenhado desde o início, e tem como objetivo cumprir as metas de emissão de poluentes.

Ficha técnica

Modelo: Overture
Fabricante: Boom Supersonic
Comprimento: 61,3 metros
Envergadura (distância de ponta a ponta das asas): 32 metros
Velocidade de cruzeiro (a 18 km de altitude): Mach 1,7 , ou seja, 1,7 vez a velocidade do som (cerca de 1.800 km/h)
Capacidade: 65 a 80 passageiros
Autonomia (distância máxima voada): 7.871 km
Data do primeiro voo (previsão): 2026
Entrada em operação (previsão): 2029

Continua após a publicidade
Siga UOL Economia no

Errata:

o conteúdo foi alterado

  • Diferentemente do informado, a velocidade estimada do Boom é de 1,7 vez a velocidade do som, e não 1,7 vezes. O texto foi corrigido

Reportagem

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes