Todos a Bordo

Todos a Bordo

Reportagem

Quem foi a 1ª vítima de acidente de avião? Ele estava com um irmão Wright

Em 1908, o primeiro acidente fatal com um passageiro de avião acontecia nos Estados Unidos. Durante um voo de demonstração, a aeronave caiu e matou um militar no College Park, o aeroporto mais antigo do mundo em operação.

Histórico

Em 1907, um comando do exército dos EUA criou uma divisão de aviação. Voar em uma aeronave motorizada era algo recente, com Santos Dumont tendo voado pela primeira vez com o 14-Bis no ano anterior.

Os irmãos Wright (Orville e Wilbur) haviam sido contratados para construir um avião para os militares. No contrato era exigido que fossem feitos voos de demonstração para oficiais do exército. Em setembro daquele ano, os militares começaram a acompanhar os irmãos a bordo.

Primeiro voo motorizado fatal

Pedaço da hélice do avião que caiu com Orville Wright e o tenente Thomas Selfridge em 1908 em exposição no Museu da Força Aérea dos EUA
Pedaço da hélice do avião que caiu com Orville Wright e o tenente Thomas Selfridge em 1908 em exposição no Museu da Força Aérea dos EUA Imagem: Força Aérea dos EUA

Em 17 de setembro de 1908, Orville preparava o avião para decolar. Dessa vez, como carona, ele levaria o tenente Thomas Selfridge como observador oficial.

Outros militares já haviam voado na aeronave. Entretanto, aquele seria o voo que terminaria na morte do tenente.

Selfridge era experiente na aviação, atuando em projetos na área anteriormente. Ele havia integrado a Associação Aeronáutica Experimental (AAE), que foi fundada por Alexander Graham Bell, inventor creditado por impulsionar o telefone como meio de comunicação de massa internacional.

Continua após a publicidade

Com isso, ele era considerado o militar com maior experiência em aviões à época. Ele também foi o primeiro oficial a voar sozinho em um avião motorizado, o White Wing (Asa Branca), desenvolvido pela AAE.

No fim daquela tarde de setembro, por volta das 17h, o avião dos irmãos Wright decolava do Forte Myer, nos EUA. Em poucos instantes, ele iria cair.

A queda

Demonstrador dos irmãos Wright após primeiro acidente com vítima fatal envolvendo um passageiro de avião
Demonstrador dos irmãos Wright após primeiro acidente com vítima fatal envolvendo um passageiro de avião Imagem: Força Aérea dos EUA

Minutos após a decolagem, uma falha na hélice do motor do avião desencadearia uma série de situações que terminariam com a queda. O dispositivo era novo e mais longo do que os já utilizados. Durante o voo, a hélice quebrou, deixando a aeronave fora de controle. O avião estava a cerca de 23 metros de altura naquele momento segundo o relatório da investigação da queda, e o avião caiu de forma íngreme.

O tenente Thomas Selfridge sofreu traumatismo craniano com o acidente. Ele foi internado e passou por uma cirurgia, mas acabou morrendo em um hospital horas depois.

Continua após a publicidade

Já Orville Wright passou por um longo e doloroso processo de recuperação. Ele quebrou diversas costelas e a perna, e ficou sete semanas internado. Mesmo recuperado, sofreu de dores pelo resto da vida.

Pós-acidente: Avião custava US$ 30 mil

Mesmo com o grave acidente, em 1909, Wilbur Wright completou a demonstração do avião. O modelo pronto foi batizado como Signal Corps Nº 1, e era derivado de modelos anteriores dos irmãos Wright, mas adaptado para as necessidades dos militares.

Com isso, o exército dos EUA comprou o avião por US$ 30 mil à época. O valor original era de US$ 25 mil caso o avião atingisse a velocidade de 40 milhas por hora (64 km/h). Estava previsto um valor adicional de 10% sobre o valor original para cada milha por hora que o avião ultrapassasse além do combinado, e ele conseguiu atingir 42 milhas por hora.

Em um dos voos, Wilbur bateu um recorde à época após voar por 1 hora, 12 minutos e 40 segundos uma distância de aproximadamente 64 km. Essa velocidade é bem inferior à dos aviões atuais, mas, ainda assim, mais rápido que um carro no trânsito de São Paulo, que não chega a 25 km/h em horários de pico.

Avião criado pelos irmãos Wright, que acabou sendo usado posteriormente para os militares do exército dos EUA
Avião criado pelos irmãos Wright, que acabou sendo usado posteriormente para os militares do exército dos EUA Imagem: Eric Long/Smithsonian National Air and Space Museum

Reportagem

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes