PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Enigmático fundador da Ikea completa 90 anos

30/03/2016 16h42

Estocolmo, 30 Mar 2016 (AFP) - O fundador da Ikea, Ingvar Kamprad, um homem brilhante, tacanho e que flertou na sua juventude com o nazismo (o "erro mais grave de sua vida" segundo suas palavras), faz 90 anos nesta quarta-feira.

Filho de camponeses da província sueca de Smaland, Kamprad se transformou em um dos homens mais ricos do mundo com uma promessa que conquistou milhões de consumidores: decorar uma casa de sonho a um preço bom.

Seu império emprega 150.000 pessoas e gera um volume de negócio de 30 bilhões de euros. Embora tenha se aposentado há anos, Kamprad acompanha de perto a evolução de sua empresa.

Segundo a direção do grupo, Kamprad comemorará seu aniversário na intimidade, sem que esteja prevista qualquer celebração em suas lojas.

A história da Ikea começou em 1943. O jovem Ingvar sentia pouco interesse pelos estudos e aos 17 anos se lançou no comércio, esforçando-se por vender mais barato do que a concorrência. Vendia sobretudo fósforos, que entregava de bicicleta, e mais tarde canetas, molduras, artigos de decoração e máquinas de escrever.

Em 1947, vendeu seus primeiros móveis fabricados por carpinteiros locais e ao fim de quatro anos lançou seu primeiro catálogo, editado atualmente com 200 milhões de exemplares.

Em 1956, um funcionário decidiu desmontar os pés de uma mesa para colocá-la no patas de uma mesa para colocá-la na mala do carro. Com o tempo Kamprad transformou o conceito de móvel para montar em arte, mais fácil e mais barato para o armazenamento e transporte.

A Ikea é um acrônimo famoso no mundo inteiro: são as iniciais de Ingvar Kamprad, Elmtaryd e Agunnaryd (seu nome e seu endereço da época).

Para rebater a ideia de que seus móveis são de má qualidade ele abriu uma primeira loja no pequeno município de Älmhult em 1958 a fim de exibi-los.

Passado nazistaCinco anos mais tarde começava sua expansão internacional. Ingvar Kamprad estava convencido de que a receita poderia funcionar em qualquer lugar: preço de custo e de venda baixo, padronização, autofinanciamento e design escandinavo.

A partir dos anos 1970 conquistou Suíça, Austrália, Canadá, França, Estados Unidos, Rússia, Ásia e Oriente Médio.

Como cada vez se tornava mais rico optou por obter benefícios fiscais. Em 1973 foi da Suécia para a Dinamarca e em 77 se instalou na Suíça.

A estrutura pouco transparente do grupo também é herança sua. Os cargos executivos, a estratégia e o conceito dos produtos permanecem em Småland. Mas do ponto de vista jurídico e contável, a Ikea é formada por uma série de fundações e companhias na Holanda, em Luxemburgo, na Suíça e em Liechtenstein.

Em 1994, um jornal revelou os vínculos existentes entre Kamprad com um grupo nazista sueco durante e depois da Segunda Guerra Mundial. Em uma carta a seus colaboradores reconheceu que este havia sido "o erro mais grave da sua vida", que atribui aos vínculos nacional-socialistas de sua família paterna, de origem alemã.

Vive sem grandes luxos. A imprensa ironiza seu Volvo velho e seu cartão de fidelidade do supermercado, para obter descontos.

"Acho que sempre comprei minhas roupas em lojas de segunda mão. Quero dar um bom exemplo", declarou em março à televisão sueca TV4, em uma de suas poucas entrevistas.

Desde 2010 vem se aposentando progressivamente, repassando seu trabalho a seus três filhos, com os quais já teve que encarar uma disputa judicial pela herança do império.

hh/cbw/gab/ib/erl/mb/cc/mvv

VOLVO AB