Google, Uber e Ford se unem para impulsionar carros sem motorista nos EUA

San Francisco, 26 Abr 2016 (AFP) - Cinco empresas, entre elas a gigante da internet Google, o serviço de carros com motoristas particulares Uber e a montadora Ford, lançaram uma associação na terça-feira que pretende atuar junto aos legisladores para impulsionar a entrada dos carros autônomos "sem motoristas" no mercado americano.

Entre os membros da nova "Coalizão de Carros Autônomos para Ruas Mais Seguras" estão também o Lyft, principal concorrente americano do Uber, e a fabricante de automóveis Volvo.

Seu objetivo é "trabalhar com os legisladores, os reguladores e o público a fim de aproveitar vantagens - em termos de segurança e para a sociedade - dos veículos autônomos", segundo um comunicado.

"Para esta inovação, o melhor é ter uma normativa federal clara, e a coalizão trabalhará com os legisladores para encontrar soluções que facilitem a locomoção de veículos autônomos", comentou David Strickland, porta-voz da nova associação e ex-chefe da Administração Nacional de Segurança de Tráfego em Rodovias dos EUA, agência que está definindo as diretrizes para os veículos autônomos no país.

O Google, assim como outras empresas do setor de tecnologia, há vários anos trabalha com o desenvolvimento de veículos autônomos. Em 2014, a empresa lançou o protótipo de seu próprio carro sem pedais, nem volantes, que se locomove sozinho.

soe/jld/faa/ja/yow/db/mvv

FORD MOTOR

GOOGLE

VOLVO AB

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos