Bolsas

Câmbio

Petróleo cai em Nova York com impacto da tempestade Harvey

Nova York, 28 Ago 2017 (AFP) - O petróleo fechou em baixa nesta segunda-feira em Nova York por causa dos efeitos potenciais da tempestade tropical Harvey nas refinarias do Texas e da Louisiana e, por consequência, na demanda dos Estados Unidos pela commodity.

O barril de "light sweet crude" (WTI) para entrega em outubro recuou 1,30 dólar e fechou a 46,57 no New York Mercantile Exchange (Nymex).

No Intercontinental Exchange (ICE) de Londres, o barril de Brent do Mar do Norte, também para entrega em outubro, perdeu 52 centavos, a 51,89 dólares.

Com quase um terço das refinarias de petróleo do país, a costa do Texas está sendo devastada desde sexta-feira, atingida pelo furacão mais forte a alcançar o estado desde 1961.

Os serviços meteorológicos americanos rebaixaram o Harvey para tempestade tropical ainda no sábado, mas as chuvas intensas e inundações consideradas "catastróficas" pelas autoridades da região continuaram. O pior momento ainda é esperado para quarta, ou quinta-feira, comprometendo a reabertura das refinarias.

A tempestade reduziu em 2 milhões de barris diários a capacidade das refinarias da região mas, por causa das inundações, a demanda por petróleo é reduzida, explicou John Kilduff da Again Capital.

"A informação da amplitude dos danos causados à infraestrutura de petróleo e gás está limitada, atualmente", constataram analistas da Goldman Sachs, destacando que "os problemas são mais importantes na refinaria do que na produção".

Segundo estimativas, a capacidade das refinarias foi afetada em cerca de 3 milhões de barris diários, ou seja, 16,5% da capacidade total americana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos