PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

EUA impõe tarifas sobre alumínio chinês

27/10/2017 22h15

Washington, 28 Out 2017 (AFP) - O departamento de Comércio dos Estados Unidos anunciou nesta sexta-feira a imposição de tarifas sobre certas categorias de papel de alumínio chinês, reforçando medidas restritivas adotadas em agosto.

A tarifas irão de 96,81% a 162,24%, dependendo das empresas, mas a medida deverá ser confirmada por outra decisão, em fevereiro.

As taxas ou medidas antidumping são impostas às empresas estrangeiras que vendem seus produtos nos Estados Unidos a um preço inferior ao custo de produção ou ao preço praticado em seus próprios mercados.

Em agosto, o departamento americano do Comércio decidiu impor direitos compensatórios sobre estes papéis de alumínio, o que gerou duras críticas por parte das autoridades chinesas.

Em meados do ano, grupos americanos argumentaram que a produção chinesa, alimentada por generosos subsídios públicos, ameaçava a indústria nacional de alumínio, um material crucial para as Forças Armadas.

As importações de papel de alumínio chinês para os Estados Unidos somaram 389 milhões de dólares no ano passado.