PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Boeing prevê demanda de 42.700 novos aviões até 2037

17/07/2018 07h39

Farnborough, Reino Unido, 17 Jul 2018 (AFP) - O fabricante americano de aviões Boeing prevê que serão necessários 42.700 novos aviões para cobrir a demanda mundial até 2037, a um valor estimado em US$ 6,3 trilhões.

"Nos próximos 20 anos, prevemos uma demanda total de 15 trilhões de dólares, se somados a demanda de novos aviões e os serviços comerciais", disse o vice-presidente responsável pelo marketing da Boeing, Randy Tinseth, durante o salão aeronáutico de Farnborough, no Reino Unido.