PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Ações da Vale sobem 7% após plano de redução de riscos em minas

30/01/2019 12h57

São Paulo, 30 Jan 2019 (AFP) - As ações da Vale subiam mais de 7% na Bolsa de São Paulo, nesta quarta-feira (30), no dia seguinte ao plano apresentado pela mineradora para reduzir os riscos de suas barragens depois da tragédia de Brumadinho.

Às 11h55, os títulos do grupo disparavam 7,77%, impulsionando o índice Ibovespa, que subia 1,37%.

"O mercado teve uma percepção positiva dos principais pontos" do plano apresentado na terça, o qual prevê a paralisação de operações em cerca de dez barragens do tipo que rompeu em Brumadinho, informou à AFP Glauco Legat, da consultoria Necton.

O processo de desmantelamento dessas barragens reduzirá a produção anual de minério de ferro do grupo em 10% de sua produção total em três anos, de 40 milhões de toneladas, e exigirá um investimento de 5 bilhões de reais.

Esses custos "não são tão chocantes, o valor do desmantelamento é relativamente alto em termos absolutos, mas em termos de caixa (...) serão diluídos em três anos", explica Legat.

Segundo o analista, os investidores também reagiram favoravelmente ao anúncio de que o governo brasileiro descartou a ideia de intervir na empresa, privatizada em 1997.

pr-js/cn/tt