PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Negociações pós-Brexit na UE alcançam "estado crítico"

13/10/2020 09h40

Bruxelas, 13 Out 2020 (AFP) - Os ministros da União Europeia (UE) afirmaram nesta terça-feira que as negociações comerciais posteriores ao Brexit atingiram um "estado muito crítico" e destacaram a importância de manter regras de concorrência justas e alcançar um acordo sobre a pesca.

"Estamos sob pressão extrema. O tempo está acabando", afirmou Michael Roth, vice-ministro alemão de Assuntos Europeus, em uma reunião com os colegas europeus em Luxemburgo.

"Esperamos um progresso substancial de nossos amigos do Reino Unido em áreas chave, em particular a gestão do futuro acordo, a igualdade de condições e... a pesca", disse.

Estes são os três temas centrais das negociações entre Londres e Bruxelas, que começaram no mês de março.

O negociador europeu Michel Barnier informará aos ministros nesta terça-feira sobre o estado das discussões, antes de uma reunião de cúpula europeia na quinta-feira e sexta-feira em Bruxelas, que deve abordar os temas.

Desde que o Reino Unido abandonou oficialmente a UE em 31 de janeiro, as negociações entre Londres e Bruxelas para concluir um acordo de livre comércio - que entraria em vigor ao final do período de transição que acontecerá ao fim de 2020 - enfrentam complicações, sob o risco de não terminar com um acordo, o que pode ter consequências devastadoras para a economia.

"Estamos preparados para os dois cenários", disse Roth, antes de acrescentar que "todos deveriam saber que uma falta de acordo seria o pior dos cenários, não apenas para a UE, mas também para o Reino Unido".

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, fixou o dia 15 de outubro como a data limite para decidir sobre a continuidade ou não das negociações. Os europeus estabeleceram o fim de outubro como prazo.

zap/fmi/lth/lp/zm