PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Quatro países da UE querem multiplicar por dez energia eólica no mar do Norte

18/05/2022 18h16

Copenhaga, 18 Mai 2022 (AFP) - Alemanha, Dinamarca, Países Baixos e Bélgica anunciaram nesta quarta-feira (18) que querem instalar cerca de 150 gigawatts de turbinas eólicas no mar do Norte até 2050, transformando-o na "central elétrica verde da Europa" e evitando os hidrocarbonetos russos.

"Queremos quadruplicar nossa capacidade total de energia eólica marinha para 2030 e multiplicá-la por dez para 2050", declarou a primeira-ministra dinamarquesa, Mette Frederiksen, junto aos chefes de governo dos outros três países e a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

"Não basta estabelecer a visão, a tornaremos realidade", prometeu a líder nórdica em uma coletiva de imprensa em Esbjerg, um porto do mar do Norte no oeste da Dinamarca.

A meta provisória é de 65 gigawatts até 2030, de acordo com a declaração. Com 150 gigawatts de energia eólica marinha, seria possível fornecer eletricidade para 230 milhões de casas, segundo os quatro países signatários.

O anúncio ocorre em paralelo a um plano de 210 milhões de euros apresentado pela Comissão Europeia para acelerar a transição para as energias renováveis e a eficiência energética. O projeto se propõe a abandonar "o quanto antes" as importações de gás russo, uma questão que passou para o primeiro plano após a invasão russa da Ucrânia.

map/sg/pc/js/ic/mvv