Bolsas

Câmbio

Venezuela atrasa pagamento de US$ 185 mi de títulos, dizem fontes

Katia Porzecanski, Christine Jenkins e Ben Bartenstein

(Bloomberg) -- A Venezuela, um dos países de maior risco do mundo para os investidores, atrasou o pagamento de uma dívida.

Os intermediários encarregados de repassar os pagamentos de juros do país, que enfrenta dificuldades financeiras, não receberam os recursos referentes a um cupom de US$ 185 milhões com vencimento em 15 de setembro, segundo pessoas com conhecimento do assunto. Investidores entrevistados pela Bloomberg afirmam que não foram pagos e corretoras informam que seus clientes ainda estão esperando o dinheiro.

O governo tem um período de carência de 30 dias -- agora 25 dias -- para realizar o pagamento antes de dar início à declaração de calote das notas.

As autoridades venezuelanas não se pronunciaram sobre o que está acontecendo. O escritório de crédito público, que normalmente faz um anúncio em sua conta no Twitter depois de transferir recursos para pagamentos de títulos, não informou nada. Uma pessoa do escritório preferiu não comentar se os recursos foram transferidos ou quando os investidores os receberão.

Os analistas afirmam há anos que a Venezuela iria ficar sem dinheiro para honrar suas dívidas, mas para o governo do presidente Nicolás Maduro -- e o de Hugo Chávez antes dele --, honrar as obrigações é questão de orgulho nacional. E esta não é a primeira vez que a Venezuela atrasa um pagamento. Em novembro, houve atrasos de vários dias para diversos títulos emitidos pela estatal Petróleos de Venezuela.

"Há uma piada que diz que os venezuelanos nunca chegam a uma festa no momento informado no convite", disse Ray Zucaro, gerente de recursos da RVX Asset Management. "Por isso as pessoas pensam -- ou têm esperanças -- de que eles vão pagar. Por outro lado, as opções deles estão cada vez mais escassas e talvez eles realmente estejam sem dinheiro."

Por enquanto os investidores parecem dispostos a esperar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos