PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Trading da Pemex declara força maior em importações de gasolina

Lucia Kassai e Jeffrey Bair

23/04/2020 16h30

(Bloomberg) -- O México, maior destinatário das exportações de gasolina dos Estados Unidos, tenta cancelar importações do combustível de pelo menos uma empresa americana em meio aos efeitos do coronavírus sobre a demanda.

A PMI, unidade de trading da Petróleos Mexicanos, declarou força maior nas importações de gasolina porque um grande número de embarcações que não podem descarregar o combustível estão ociosas nas costas do Atlântico e do Pacífico, segundo uma pessoa com conhecimento da situação. O termo "força maior" geralmente descreve um evento externo inesperado que torna impossível para uma parte cumprir as obrigações decorrentes de um contrato.

O consumo de combustível nos postos de gasolina mexicanos encolheu 50% devido à quarentena imposta pelo governo do presidente Andrés Manuel López Obrador. Cerca de 60 navios estão parados aguardando para descarregar, disse Erick Tapia, consultor independente de petróleo do México e ex-funcionário da PMI. Cada navio transporta em média 300 mil barris, elevando o total no mar para cerca de 18 milhões de barris.

"Será uma situação muito complicada para que consigam sair disso", disse.

A Pemex não retornou imediatamente e-mail com pedido de comentários.

©2020 Bloomberg L.P.