PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

Token de rastreamento de Cingapura tem bateria para 9 meses

Yoolim Lee

24/06/2020 14h36

(Bloomberg) -- Daqui a cerca de uma semana, Cingapura vai lançar um aparelho portátil de rastreamento de contatos para ajudar a conter a propagação da Covid-19. O pequeno aparelho poderá ser oferecido em cores diferentes.

O primeiro lote do dispositivo, chamado TraceTogether Token, terá uma bateria que pode durar nove meses, disse o ministro da GovTech Singapore, Janil Puthucheary, em entrevista na quarta-feira. Não será pequeno o suficiente para deslizar para dentro do bolso traseiro da calça, mas pode caber nos bolsos da frente e ser preso à bolsa de um usuário, acrescentou.

Janil, que comanda a agência responsável pelo desenvolvimento desses aparelhos de rastreamento de contatos, disse que o token complementará um aplicativo de celular lançado há três meses para atingir o número máximo de residentes. Com o objetivo de alcançar 100% da população, o programa de busca de Cingapura está entre os mais ambiciosos do mundo. Com cerca de quatro meses de pandemia, os esforços de muitos países para usar aplicativos móveis para combater o vírus praticamente pararam ou foram abandonados em meio a baixas taxas de uso e preocupações com privacidade.

Em Cingapura, cerca de 2,1 milhões de pessoas, ou cerca de 35% da população, baixaram o aplicativo TraceTogether. Embora esteja entre as taxas mais altas de adoção do mundo, ainda está abaixo dos 75% a 80% para que o rastreamento funcione efetivamente, e é por isso que o token físico está sendo introduzido como medida extra.

Cingapura retomou a maioria das atividades na semana passada, já que o governo avaliou que a situação do surto no país está sob controle. Com mais de 42 mil casos registrados, a maioria devido a um surto entre trabalhadores estrangeiros que vivem em dormitórios apertados, autoridades disseram que é necessário um regime intenso de testes e rastreamento para reabrir a economia com segurança.

©2020 Bloomberg L.P.

Economia