PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Epicentros com maior mortalidade de Covid-19 estão na AL

Sebastian Boyd

24/07/2020 16h10

(Bloomberg) -- A América Latina agora responde por 7 dos 10 epicentros do mundo com maior taxa de mortalidade de Covid-19 e, em muitos países, os dados sugerem que a situação só deve piorar.

O Chile registrou 80 mortes por 1 milhão de pessoas nos últimos sete dias, e o Peru atingiu 154 mortes por milhão, o número mais alto do que em qualquer outro lugar do mundo. Embora os dados de ambos os países possam incluir períodos passados - o Chile mudou a metodologia, e o Peru acrescentou quase 3,9 mil mortes na quinta-feira depois de analisar óbitos recentes -, o resto da América Latina não está muito atrás. O Panamá tem a terceira maior taxa, seguida pela Bolívia, Brasil e México.

Dezenove países da América Latina responderam por 45% das mortes globais nos últimos cinco dias, mas apenas 28% dos novos casos, já que os países em grande parte mostram ineficácia de testes, rastreamento e identificação de novos pacientes. Ainda assim, os casos agora aumentam em ritmo mais rápido do que as mortes, sugerindo que os óbitos ainda estão em tendência ascendente. O Panamá registrou mais novos pacientes do que qualquer outro país nos últimos sete dias.

O total de casos na região supera 4,14 milhões, e as mortes somam 176.652.

Alberto Ramos, economista-chefe para América Latina do Goldman Sachs, destaca que, mesmo com o baixo volume de testes, os dados são "feios", chamando atenção que o quadro poderia ser ainda pior se houvesse maior número de testes.

©2020 Bloomberg L.P.

PUBLICIDADE