Bolsas

Câmbio

Barril do Texas fecha em forte alta de 3,27%

Nova York, 19 abr (EFE).- O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta terça-feira em forte alta de 3,27%, aos US$ 41,08, em um avanço que foi atribuído a diversos fatores, entre eles a greve no setor petroleiro do Kuwait.

Ao final da sessão de hoje na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em maio subiram US$ 1,30 em relação ao fechamento de ontem.

Entre outros fatores, os analistas atribuíram a ascensão de hoje à greve dos trabalhadores do setor petroleiro do Kuwait, pelo terceiro dia consecutivo, que forçou esse país a reduzir pela metade a produção de petróleo.

Também influenciou a sensação de que estava se dissipando o efeito da reunião de Doha do domingo entre vários países produtores, que terminou sem ter conseguido congelar a produção de petróleo para tentar aliviar o excesso de oferta no mercado.

Além disso, também houve a desvalorização do dólar nos mercados de divisas internacionais, o que reduz os gastos dos países que têm que recorrer à importação de petróleo para cobrir suas necessidades energéticas.

Por sua vez, os contratos de gasolina para entrega em maio somaram US$ 0,04 e fecharam em US$ 1,48 o galão, enquanto os de gasóleo de calefação com vencimento no mesmo mês subiram US$ 0,03 e encerraram o dia cotados a US$ 1,26 o galão.

Já os contratos de gás natural também para entrega em maio dispararam US$ 0,15 e fecharam em US$ 2,09 por cada mil pés cúbicos. EFE

ag/rsd

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos