Bolsas

Câmbio

Bundesbank propõe elevar para 69 a idade de aposentadoria na Alemanha

Berlim, 15 ago (EFE).- O Bundesbank, o Banco Central alemão, propôs nesta segunda-feira, em seu boletim de agosto, elevar progressivamente a idade de aposentadoria na Alemanha dos 67 anos atuais até os 69 para 2060.

A autoridade monetária argumentou que, apesar do estado atual dos cofres públicos na maior economia da Europa, "são inevitáveis novos ajustes", por isso que "uma vida laboral mais prolongada não deve se transformar em tabu".

O Banco Central alerta que o sistema atual, adotado na primeira legislatura da chanceler Angela Merkel (2005-2009), não é sustentável devido ao aumento progressivo da espectativa de vida e da queda da taxa de natalidade.

Por isso, levando em conta as contribuições dos trabalhadores e a quantia da pensão média, o Bundesbank chega à conclusão que o sistema só pode se manter aumentando a vida laboral, progressivamente, para chegar dentro de 44 anos à aposentadoria dos 69.

No entanto, o governo alemão, que aplica o atraso efetivo da idade de aposentadoria até os 67 anos, descartou hoje a opção proposta pelo Bundesbank.

"O governo federal se mantém firme na aposentadoria com 67 anos. Sempre há debate e o Bundesbank também participa dessas conversas", garantiu o porta-voz do executivo, Steffen Seibert.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos