Barril do Texas fecha em alta de 2,21%

Nova York, 28 nov (EFE).- O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta segunda-feira em alta de 2,21%, cotado a US$ 47,08, com o mercado de petróleo otimista sobre a possibilidade de a Opep aprovar nesta semana uma redução nas cotas de exportação.

Ao final do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em janeiro subiram US$ 1,02 em relação ao fechamento de sexta-feira.

Os ministros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) se reunirão na quarta-feira em Viena, em um encontro semestral, em meio aos pedidos de alguns membros para que seja aprovada uma redução nas cotas de produção.

A Opep está produzindo petróleo em níveis recorde, apesar do excesso de oferta no mercado e a desaceleração nas importações de alguns países importantes, o que está provocando uma queda dos preços desde o segundo semestre de 2014.

Alguns membros do organização, como Irã e Iraque, se mostraram contra esta redução na produção, mas o ministro do Petróleo iraquiano, Yabar al Luaibi, se mostrou "otimista" sobre a possibilidade de haver um corte.

A Opep decidiu em setembro passado em Argel limitar a produção conjunta em um nível de 32,5 a 33 milhões de barris diários (mbd) em 2017, o que significaria retirar entre 0,64 e 1,14 mbd em relação ao recorde histórico de 33,64 mbd que o grupo extraiu em outubro.

Mas o pacto ainda está pendente de ratificação na conferência da quarta-feira, para a qual ainda é necessário alcançar o consenso sobre a forma de aplicação, ou seja, sobre quantos barris deverão ser retirados do mercado por cada membro.

Por sua vez, os contratos de gasolina para entrega em dezembro, ainda os de vencimento mais próximo, subiram 4 centavos, para US$ 1,41 o galão. Já os contratos de gás natural com vencimento no mesmo mês, também os de referência, subiram 15 centavos, para US$ 3,23 por cada mil pés cúbicos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos