Bolsas

Câmbio

Presidente da Colômbia assina lei que amplia pagamento de adicional noturno

Bogotá, 18 jul (EFE).- O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, sancionou uma lei que aumenta em uma hora o pagamento do novo adicional noturno aos trabalhadores, uma medida que beneficiará cerca de 450 mil pessoas em todo o país.

Os empresários terão que pagar adicional noturno para os funcionários a partir das 21h com a nova lei. Antes, os trabalhadores recebiam o valor extra apenas depois das 22h.

O presidente da Associação de Empresários da Colômbia (Andi), Bruce Mac Master, criticou a aprovação da nova norma porque considera que ela gerará um aumento do desemprego no país.

Nesse sentido, Master afirmou ser "mentira" que os trabalhadores receberão mais com a mudança da legislação trabalhista.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos