Bolsas

Câmbio

Apple apresenta iPhone X com reconhecimento facial e tela sem botão de início

Los Angeles (EUA), 12 set (EFE).- A Apple apresentou nesta terça-feira o iPhone X, o mais poderoso smartphone já lançado pela companhia, com diversas novidades, como a inclusão de um sensor de reconhecimento facial e uma tela "infinita", com uma nova resolução, possibilitada pela retirada do tradicional botão de início.

O novo smartphone foi revelado hoje pelo executivo-chefe da Apple, Tim Cook, em um evento que serviu também para inaugurar oficialmente a nova sede da empresa, o Apple Park, na cidade de Cupertino, na Califórnia, nos Estados Unidos.

O iPhone X é o nome do aparelho com o qual a Apple celebra os dez anos do lançamento do iPhone, um dispositivo essencial na revolução social e tecnológica dos smartphones.

Cook afirmou hoje que o primeiro modelo do iPhone, lançado em 2007, representou uma revolução na tecnologia móvel e disse que o iPhone X marcará o caminho durante a próxima década.

A tela do iPhone X abrange praticamente toda a superfície frontal do aparelho, que deixa de ter o tradicional botão "home", tradicional desde o primeiro aparelho lançado pela Apple, e elimina as bordas que diminuíam a superfície de touchscreen.

Além disso, o iPhone X virá equipado com uma tela super retina, com tecnologia OLED, resolução de 2436x1125 pixels e 458 pontos por polegada de densidade, a maior de um smartphone da Apple.

Outra das grandes novidades do iPhone X é a introdução do Face ID, uma nova forma de acesso do smartphone baseado no reconhecimento facial dos usuários e que representa uma importante evolução em relação ao Touch ID, que usava digitais.

O Touch ID segue no aparelho, mas, com a retirada do botão de início, agora ele funciona em toda a tela.

Essa tecnologia de reconhecimento facial também será aproveitada pelos animoji, uma versão personalidade dos emoji que serão criados a partir das expressões das pessoas registradas pela câmera.

O aparelho será carregado de modo sem fio, a partir de uma tecnologia chamada pela Apple de AirPower, uma base que poderá carregar simultaneamente os AirPods, os fones sem fio da empresa, e também o novo Apple Watch Series 3, apresentado hoje pela empresa.

O iPhone X será vendido nos Estados Unidos por US$ 999. A pré-venda terá início no dia 27 de outubro e os envios começarão a ser realizados pela Apple em 3 de novembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos