PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Rublo cai ao menor valor frente ao dólar em 2 anos após novas sanções dos EUA

23/08/2018 15h57

Moscou, 23 ago (EFE).- O rublo fechou nesta quinta-feira cotado a US$ 68,25, uma desvalorização de 0,6% em relação a ontem, o valor mais baixo desde abril de 2016, desta vez afetado pela nova rodada de sanções econômicas impostas pelos Estados Unidos à Rússia.

Os analistas apontam que a moeda russa não só não recuperará o patamar cambial do fim de 2014 - US$ 30 -, mas deve cair ainda mais se as sanções continuarem pressionando a economia do país.

A nova queda coincide com o aniversário da crise cambial de 1998, quando o governo declarou moratória. Além das sanções, outro fator que pressiona a moeda russa é a desvalorização da lira, também abalada pelas sanções impostas pelos EUA à Turquia.

O Ministério de Economia da Rússia afirmou no início desta semana que revisará para baixo as previsões de expansão da economia para 1,8% em 2018, o que atrapalha a meta estabelecida pelo Kremlin de crescer acima da média mundial neste ano.

A nova rodada de sanções americanas contra a Rússia foi imposta como resposta ao envenenamento do ex-espião russo Sergei Skripal e sua filha, Yulia, no Reino Unido.

O Kremlin nega ter envolvimento com o caso.

Além disso, a Casa Branca deu três meses à Rússia para permitir que representantes da ONU inspecionem o país para garantir que o Kremlin não volte a utilizar armamento químico.

Caso a Rússia não aceite as exigências, os EUA ameaçam adotar sanções ainda mais severas contra a economia do país, como a proibição total de exportações e importações, a restrição das relações diplomáticas e a suspensão da autorização da companhia aérea russa Aeroflot de operar no território americano.