PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Microsoft deixará de oferecer suporte técnico para Windows 7 em 2020

14/01/2019 17h55

San Francisco (EUA), 14 jan (EFE).- A Microsoft anunciou nesta segunda-feira que encerrará o suporte técnico ao Windows 7, um sistema operacional que segue entre os mais usados do mundo, em 14 de janeiro de 2020.

Desta forma, repetindo medida tomada com o popular Windows XP há alguns anos, a Microsoft deixará de publicar atualizações para o Windows 7, deixando os usuários que não migrarem para a mais versão do sistema operacional mais vulneráveis a ataques de hackers.

Segundo dados da Net Market Share, 35,63% dos usuários de Windows utilizam a versão do sistema que perderá o suporte da Microsoft. Por outro lado, 52,36% têm instalados em seus computadores o Windows 10, o mais recente da empresa.

Os demais usuários trabalham com o Windows 8.1 e há uma pequena parcela de pessoas que seguem com o Windows XP, apesar de a Microsoft ter parado de oferecer suporte para o sistema em 2015.

Um ano antes da Microsoft "abandonar" o Windows XP, 24,93% dos usuários tinham o sistema instalado, um percentual substancialmente menor do que o número de pessoas que seguem com o Windows 7.

Segundo veículos especializados da imprensa americana, a diferença se deve à satisfação dos usuários com o Windows 7, em contraste com as reclamações de parte dos clientes com o Windows 10.

Apesar do anúncio, a Microsoft seguirá oferecendo suporte a empresas e órgãos governamentais que desejem seguir utilizando o Windows 7. No entanto, o serviço será pago.

A medida, além de tornar o sistema mais vulnerável, provoca seu progressivo desaparecimento do mercado. Outras empresas também deixarão de desenvolver softwares para o Windows 7. EFE