IPCA
0,42 Mar.2024
Topo

McDonald's anuncia fechamento de 850 restaurantes na Rússia

08/03/2022 22h56

Nova York (EUA.), 8 mar (EFE).- A rede de fast food McDonald's, criada nos Estados Unidos, anunciou nesta terça-feira o fechamento temporário dos 850 restaurantes existentes na Rússia, em forma de protesto contra a guerra da Ucrânia.

Em comunicado, a companhia indicou que seguirá pagando os salários dos 62 mil funcionários contratados no país, assim como fornecedores e outros parceiros.

A rede McDonald's relembrou que atua a mais de 30 anos no território russo e que conta com "milhões" de consumidores russos todos os dias.

A nota da companhia sobre o fechamento das franquias foi enviada para cada um dos estabelecimentos afetados e seus empregados.

A rede americana indica que, desde o início da guerra na Ucrânia, a prioridade principal "foi é são as pessoas".

"Como empresa, nos unimos ao mundo para condenar a agressão e a violência, e rezar pela paz", indica o comunicado.

O texto ainda destaca que os restaurantes da rede na Ucrânia ficaram impossibilitados em funcionar, em grande parte, mas que os salários dos funcionários seguem sendo pagos.

O McDonald's e a Coca-Cola, outra marca tradicionalmente ligada à cultura dos Estados Unidos, vinham recebendo fortes pressões para interromper as atividades na Rússia.

Nos últimos dias, outras companhias, de diferentes setores, anunciaram a paralisação do funcionamento e de serviços na antiga república soviética, que realiza invasão à Ucrânia. EFE