Bolsas

Câmbio

Paulo Rabello, num primeiro momento, confundiu um pouco as coisas, diz Olinto

Fernanda Nunes

Rio

  • Divulgação

    Roberto Olinto, presidente do IBGE

    Roberto Olinto, presidente do IBGE

Na presidência do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) desde o dia 1º de junho deste ano, Roberto Olinto afirmou que, o presidente anterior, Paulo Rabello de Castro, num primeiro momento, "confundiu um pouco as coisas", ao afirmar que os técnicos do IBGE eram economistas de elevador por se limitarem a comentar os dados, sem fazer projeções.

"A credibilidade de um instituto de estatística se dá pela isenção e imparcialidade. Técnicos não comentam, não fazem comentário. O papel do instituto de estatística não é dar opinião. Nossa missão é apresentar o dado, explicar para trás, ser o mais erudito, mas, acima de tudo, preservando a credibilidade do instituto", afirmou.

Em seguida, disse que o IBGE "não faz sobe e desce", mas que, em alguns momentos "é inevitável, porque conjuntura é sobe e desce, não tem jeito". Segundo Olinto, há intenção de mudar a divulgação, incorporando novos meios de comunicação que tornem as informações mais palatáveis e menos técnicas.

Em entrevista coletiva à imprensa, ele ainda afirmou que vai discutir um plano de carreira para os funcionários com o Ministério do Planejamento, ao qual está vinculado."Porque não dá para continuar como está. É inadequado, cria um viés enorme dentro do governo em relação aos seus congêneres, que têm plano muito mais alto", comentou.

Ele ainda informou que a formação de parcerias para a elaboração de pesquisas, sugerida na gestão de Rabello, não foi completamente descartada. Mas, o atual presidente, ressaltou que não há possibilidade de firmar acordo de exclusividade na divulgação de dados. "A parceria é bem vinda, mas a exclusividade de dados não é permitida", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos