Bolsas

Câmbio

Massa de salários em circulação na economia cresce R$ 3,442 bi em 1 ano, diz IBGE

Daniela Amorim

Rio

A massa de salários em circulação na economia cresceu R$ 3,442 bilhões no período de um ano, uma alta de 1,8% no primeiro trimestre de 2018 em relação ao mesmo período de 2017, puxada pelo aumento no número de pessoas trabalhando. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Na comparação com o trimestre encerrado em dezembro do ano passado, a massa de renda real diminuiu na mesma magnitude, queda de 1,8%, com R$ 3,589 bilhões a menos. No mesmo período, 1,528 milhão de postos de trabalho foram eliminados.

O rendimento médio dos trabalhadores ocupados teve ligeira queda de 0,2% na comparação com o quarto trimestre de 2017, apenas R$ 4 mais baixo. Em relação ao primeiro trimestre do ano passado, a renda média ficou estável (0,0%), em R$ 2.169.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos