PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Colnago: governo vê muito pouco espaço para redução de tributos de combustíveis

Eduardo Rodrigues e Adriana Fernandes

Brasília

22/05/2018 13h29

O ministro do Planejamento, Esteves Colnago, respondeu nesta terça-feira, 22, que o governo vê muito pouco espaço para a redução de tributos que incidem sobre os combustíveis. Ele lembrou que o governo mantém um bloqueio de R$ 9,114 bilhões no Orçamento de 2018, em função de riscos fiscais, como o Refis do Simples, cujo impacto ainda é desconhecido.

A secretária-executiva do Ministério da Fazenda, Ana Paula Vescovi, afirmou ainda que o impacto potencial com o Refis do Funrural é de R$ 17 bilhões, e que o governo não tem recursos para bancar a renegociação de agricultores com os bancos públicos, possibilitada pela derrubada de vetos pelo Congresso Nacional. "Qualquer despesa obrigatória que venha a mais vai terá que eliminar outra despesa prevista. Já estamos no Teto de Gastos", completou.