PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Republicano revela falta de acordo para evitar paralisação do governo Trump

Victor Rezende

São Paulo

18/12/2018 18h16

O líder republicano no Senado dos Estados Unidos, Mitch McConnell (Kentucky), afirmou na tarde desta terça-feira que não tem um plano para financiar o governo americano à medida que republicanos e democratas não chegaram a um acordo quanto à verba para a construção de um muro na fronteira com o México. A barreira é exigida pelo presidente Donald Trump, que ameaça paralisar o governo caso o muro não seja contemplado no plano orçamentário.

Após reunião com o líder democrata no Senado, Chuck Schumer, McConnell disse a repórteres no Capitólio que está em consultas com a Casa Branca para saber o caminho que deve ser seguido quanto ao financiamento do governo. "Tivemos uma discussão sobre a proposta que eu pensei ser razoável. A oferta não foi aceita. Estou em consultas com a Casa Branca sobre o que fazer em seguida. O governo é extremamente flexível quanto a esse assunto", afirmou o republicano.

Durante a tarde, a agência de notícias Associated Press informou que, apesar de Trump exigir US$ 5 bilhões para o muro, a proposta republicana contemplava US$ 1,6 bilhão destinados somente para a segurança da fronteira americana com o México, e mais US$ 1 bilhão que Trump também poderia usar para construir o muro. No entanto, de acordo fontes ouvidas pela AP, a proposta não havia sido aceita pelos democratas, que propuseram US$ 1,3 bilhão para a construção de cercas ao longo da fronteira.