PUBLICIDADE
IPCA
0,26 Jun.2020
Topo

Onyx diz que Bolsa Família atenderá mais de 14 milhões de famílias até abril em crise de coronavírus

Divulgação
Imagem: Divulgação

Daniel Weterman e Jussara Soares

Brasília

30/03/2020 19h26

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenxoni, afirmou na tarde de hoje que até abril o Bolsa Família atenderá 14,290 milhões de famílias no Brasil. O incremento, segundo o governo federal, é de 1,2 milhão de beneficiários.

Com o reforço no programa de transferência de renda, Onyx afirmou que "a taxa de cobertura do Bolsa família no Nordeste será de 111,90%".

"O governo pagará bolsa família para mais famílias, além daquelas que se enquadram nos critérios exigidos para receber. Isso é inédito", disse Onyx.

Ainda segundo Onyx, o valor de R$ 600, de ajuda durante a pandemia do coronavírus, será transferidos aos beneficiários do programa por meio de uma folha de pagamento suplementar.

O ministro disse ainda que, por 120 dias, nenhuma família será retirada do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Onyx ressaltou ainda que as famílias não procurem a Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e casas lotéricas. Ele alertou que o auxílio de R$ 600 reais ainda depende de aprovação no Senado e que está sendo criada uma plataforma para receber os dados dos beneficiários.

"Pessoas, tenham calma. O sistema ainda não está acionado, porque a lei ainda não foi sancionada. Bolsonaro determinou que possamos atender toda essa demanda com agilidade", disse.

Economia