PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Argentina/Guzmán: Tomamos passos importantes para refinanciar empréstimos com FMI

Matheus Andrade

25/03/2021 19h07

O ministro da Economia da Argentina, Martín Guzmán, afirmou nesta quinta-feira, 25, que o país tomou "passos importantes" para refinanciar os empréstimos de US$ 45 bilhões com o Fundo Monetário Internacional (FMI). Em sua conta no Twitter, o ministro escreveu que a política macroeconômica "deve ser sustentável e apontar a recuperação econômica" que está em curso no país. As afirmações vieram após a publicação de comunicado do FMI sobre as tratativas com o governo argentino.

Outros pontos abordados foram o aumento das exportações com maior valor agregado e o aumento na capacidade de atrair investimentos em ativos em "nossa moeda", o que é "fundamental para financiar o desenvolvimento e resolver o problema do bimonetarismo", ou seja, uma economia que, na prática, tem duas moedas de referência, o peso local e o dólar americano. Segundo Guzmán, as posturas atuais "são uma mudança radical" com relação à gestão anterior, que combatia a inflação exclusivamente por uma "política monetária de contração", e que teria gerado aumento no custo de crédito e nos preços ao consumidor.