PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Embraer tem prejuízo líquido ajustado de R$ 428 milhões no 1º trimestre

O Ebitda da Embraer ficou negativo em R$ 1,1 milhão - REUTERS/Paulo Whitaker
O Ebitda da Embraer ficou negativo em R$ 1,1 milhão Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker

Luísa Laval

Estadão Conteúdo, São Paulo

28/04/2022 08h08

A Embraer teve prejuízo líquido ajustado de R$ 428 milhões no primeiro trimestre de 2022, perda 18% menor que o registrado no mesmo período do ano passado. O resultado líquido atribuído a acionistas ficou negativo em R$ 170,7 milhões, 65,1% a menos na comparação anual.

O Ebitda da companhia ficou negativo em R$ 1,1 milhão, revertendo o resultado positivo de R$ 82,1 milhões no primeiro trimestre de 2021. A margem Ebitda ficou em 0%, ante 1,8% na mesma base de comparação. O Ebitda ajustado foi de R$ 45,4 milhões, redução anual de 55,1%.

A receita total trimestral foi de R$ 3,076 bilhões, queda de 30,9% ante o mesmo período do ano passado. Segundo balanço divulgado à CVM, o resultado foi afetado principalmente por menores entregas na Aviação Comercial e Executiva e menores receitas na Defesa & Segurança, apenas parcialmente compensadas por maiores receitas em Serviços & Suporte.

"Além disso, as entregas no trimestre foram impactadas negativamente pelo período de um mês de paralisação da companhia, em janeiro de 2022, devido a reintegração da unidade de negócio de Aviação Comercial", diz a Embraer.