PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

EUA: CBO eleva projeções de alta do PIB americano para 2023 e 2024

CBO eleva projeções de alta do PIB americano para 2023 e 2024 -
CBO eleva projeções de alta do PIB americano para 2023 e 2024

Matheus Andrade

São Paulo, 25

25/05/2022 19h10

A projeção do Escritório de Orçamento do Congresso (CBO, na sigla em inglês) dos Estados Unidos projeta que o crescimento real do PIB do país em 2022 será semelhante ao de sua medição feita anteriormente, mas antecipa uma elevação maior para 2023 e 2024. Para este ano, o CBO espera uma alta no PIB de 3,8%, enquanto para 2023, a previsão é de ganho de 2,8%, porcentagem que estima ser de 1,6% em 2024. Antes, a expectativa era de alta de 1,5% e 1,1% no PIB em 2023 e 2024, respectivamente.

Os números constam no documento "O Orçamento e Perspectivas Econômicas: 2022 a 2032", publicado hoje pelo CBO. O escritório atualmente projeta inflação mais alta em 2022 e 2023 do que em julho passado, quando o último panorama foi emitido. "Os preços estão aumentando mais rapidamente em muitos setores da economia do que o CBO previa", aponta. O escritório agora espera que as taxas de juros de curto e longo prazo na próxima década sejam mais altas, em média, do que em sua previsão anterior, refletindo parcialmente a inflação mais alta.

O CBO projeta que o déficit orçamentário federal encolherá para US$ 1,0 trilhão em 2022 (era US$ 2,8 trilhões no ano passado) e que o déficit anual seria em média US$ 1,6 trilhão de 2023 a 2032. O déficit continuará a diminuir como porcentagem do PIB no próximo ano, à medida que os gastos relacionados à pandemia de coronavírus diminuem, mas, após isso, os déficits aumentam na projeção, atingindo 6,1% do PIB em 2032. O déficit foi maior que isso apenas seis vezes desde 1946, ressalta.

Em relação ao tamanho da economia, a dívida federal em poder do público deverá cair nos próximos dois anos, para 96% do PIB em 2023, e aumentar a partir de então. Nas projeções do CBO, chega a 110% do PIB em 2032, a maior da história.