PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

Justiça marca para meados de setembro análise de processo do Twitter contra Musk

Nova York, 29

29/07/2022 18h11

A juíza que está conduzindo o processo que o Twitter move contra Elon Musk, por causa do acordo de aquisição de US$ 44 bilhões, marcou para a semana de 17 de outubro o início do julgamento no Tribunal de Chancelaria de Delaware.

Na última semana, a juíza Kathaleen St. Jude McCormick, que preside o tribunal, aprovou um pedido do Twitter para acelerar a tramitação e ordenou um julgamento de cinco dias em outubro, mesmo sob objeções dos advogados de Musk.

O Twitter entrou com um processo contra Musk em 12 de julho para forçar o empresário a cumprir o acordo de aquisição da rede social, após o diretor-presidente da Tesla desistir do acordo no início do mês.

Musk alega que o Twitter não forneceu os dados e informações necessários para que se fizesse uma avaliação do número de contas falsas e enganosas na rede social, tornando a operação impossível.

O Twitter, por sua vez, diz há anos que estima que tais contas representam menos de 5% da sua base de usuários diária, um número que Elon Musk contesta de forma veemente na própria rede social.

No início desta semana, o Twitter marcou uma assembleia extraordinária para 13 de setembro, onde seus acionistas vão votar pela aprovação ou não do acordo com Musk. A companhia reiterou sua vontade em finalizar a operação pelo preço original de US$ 54,20 por ação, com o conselho recomendando que os acionistas votem a favor.

Nesta sexta-feira, as ações do Twitter subiram 1,76%. No mês, o ganho foi de 11,29%, embora os papéis tenham perda de 3,73% no acumulado do ano.