IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Meta de inflação não pode ser razão pela qual BC aumenta taxa de juros, diz Lula

Brasília, 16

16/02/2023 20h03

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta quinta-feira, 16, que a meta de inflação, definida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), não pode ser a razão pela qual o Banco Central aumenta a taxa básica de juros do País, a Selic. O petista também disse que o País não tem, no momento, inflação de demanda.

"Aumentar o juro é importante quando você tem uma inflação de demanda. Quando você tem a sociedade consumindo demais, aumenta o juro para diminuir o consumo. Mas não é o caso do Brasil. Não tem inflação de demanda neste País", declarou o presidente, em entrevista à CNN Brasil.

"Que ele Roberto Campos Neto, presidente do BC entenda que a meta de inflação não pode ser a razão pela qual você aumenta a taxa de juros. A taxa de juros você aumenta se tiver excesso de demanda. Se você não tiver excesso de demanda, não é o juro que vai resolver", disse Lula, ao comentar a relação com o chefe da autoridade monetária, sem citá-lo pelo nome.

O presidente afirmou que o CMN, composto por Campos Neto, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e a ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, discute a meta de inflação, mas "não pode achar que do jeito está a coisa está boa", em referência à economia do País.