IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Conselho da Petrobras cobra de ministro mudança de preços

Colegiado enviou uma carta a Silveira cobrando a apresentação dessa nova diretriz para os preços - REUTERS/Sergio Moraes
Colegiado enviou uma carta a Silveira cobrando a apresentação dessa nova diretriz para os preços Imagem: REUTERS/Sergio Moraes

Gabriel Vasconcelos

No Rio

07/04/2023 08h29

O conselho de administração da Petrobras reagiu às declarações do ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, sobre eventuais mudanças na política de preços de combustíveis da companhia e reduções no valor do diesel cobrado em suas refinarias.

O Estadão/Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) apurou que o colegiado enviou uma carta a Silveira cobrando a apresentação dessa nova diretriz para os preços, citada pelo ministro em entrevista na quarta-feira. O documento é assinado pelo presidente do colegiado, Gileno Gurjão Barreto.

Em entrevista à GloboNews, Silveira chamou o atual modelo de preço de paridade de importação, o PPI, de "absurdo" e disse que "já determinou mudanças". O ministro também afirmou que haveria espaço para uma redução no preço do diesel entre R$ 0,22 e R$ 0,25 por litro.

A carta foi vista como uma forma de o conselho se proteger legalmente, já que informações sensíveis aos negócios de empresas de capital aberto devem ser comunicadas em fato relevante à CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.