IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Produção do pré-sal sobe 3,2% em fevereiro e bate recorde com 78,1% do total nacional

Rio

11/04/2023 11h40

A produção de petróleo e gás natural no Brasil foi de 4,183 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d) em fevereiro, sendo 3,262 milhões de barris por dia (bpd) de petróleo e 146,5 milhões de metros cúbicos por dia (m3/d) de gás natural. Comparado ao mês anterior, a produção de petróleo caiu 0,4% e a de gás natural subiu 2,3%, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A produção do pré-sal foi recorde e correspondeu a 78,1% do total, ou 2,566 milhões de barris de petróleo e 111,5 milhões de m3/dia, totalizando 3,268 milhões de boe/d. Em relação a janeiro, a produção do pré-sal cresceu 3,2%.

A Petrobras foi responsável por 2,761 milhões de boe/d, 2,8% a mais do que em janeiro, sendo 2,137 milhões de b/d e 99,2 milhões de m3 de gás natural, altas de 2,2% e de 4,7%, respectivamente contra o mês anterior.

Segundo a ANP, os campos com participação exclusiva da Petrobras corresponderam a 24,3% da produção total de petróleo e gás no País, enquanto os operados pela estatal, em consórcio ou não, produziram 92,25%.

No total, a produção de petróleo e gás no Brasil em fevereiro foi decorrente de 236 áreas de concessão; seis sob o regime de cessão onerosa; e nove de partilha de produção. Ao todo, 47 empresas foram responsáveis pelo volume produzido.

Tupi continua com o maior campo produtor, com média de 824,50 mil barris de petróleo por dia. O Rio de Janeiro mantém a liderança da produção com 3,474 milhões de boe/d, seguido de São Paulo, cuja produção foi de 330,2 mil boe/d em fevereiro.