IPCA
0,83 Mai.2024
Topo

Leite longa vida, tomate e plano de saúde respondem juntos por 30% do IPCA-15 de maio

Rio

25/05/2023 11h51

Os aumentos no leite longa vida (6,03%), tomate (18,82%) e plano de saúde (1,20%) responderam juntos por 30% da inflação de 0,51% apurada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) em maio, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os três itens figuraram no topo do ranking de maiores pressões sobre o IPCA-15 do mês, com impacto de 0,05 ponto porcentual cada um.

A lista de maiores contribuições contém ainda os itens emplacamento e licença (alta de 1,62% e impacto de 0,04 ponto porcentual), ônibus urbano (2,71% e 0,03 p.p.), jogos de azar (6,29% e 0,03 p.p.), etanol (3,62% e 0,02 p.p.), perfume (2,21% e 0,02 p.p.), taxa de água e esgoto (1,24% e 0,02 p.p.) e energia elétrica residencial (0,51% e 0,02 p.p.).

Na direção oposta, as passagens aéreas foram o item de maior influência negativa em maio, com queda de 17,26% e contribuição de -0,12 ponto porcentual.

Os demais itens no ranking de principais impactos negativos, todos com contribuição de -0,01 ponto porcentual, foram: automóvel usado (-0,78%), mamão (-7,88%), óleo de soja (-4,13%), pacote turístico (-1,93%), gasolina (-0,21%), televisor (-2,21%), cebola (-4,83%), óleo diesel (-2,76%) e aparelho telefônico (-0,74%).