Latam eleva guidance após reverter prejuízo com lucro líquido de US$ 145 mi no 2º trimestre

O Grupo Latam registrou lucro líquido atribuível aos proprietários da empresa de US$ 145 milhões no segundo trimestre de 2023. Com isso, reverteu o prejuízo líquido de US$ 523,2 milhões reportado um ano antes. A companhia não divulgou as cifras do mercado brasileiro.

A aérea elevou as projeções para 2023. A margem operacional ajustada esperada agora é de 10% a 11% ante 6% a 8% anteriormente. Já a estimativa para o Ebitda ajustado subiu de US$ 2 bilhões a US$ 2,2 bilhões para US$ 2,35 bilhões a US$ 2,5 bilhões. As atualizações refletem um ambiente de demanda positivo, segundo a empresa.

Durante o segundo trimestre do ano, as operações consolidadas do grupo (medidas em ASKs) aumentaram 28,4% em relação ao mesmo trimestre de 2022 e 93,2% na comparação com 2019.

Já a demanda de passageiros (medida em RPKs) aumentou 28,6% na mesma base comparativa. A taxa média de ocupação consolidada ficou em 80,4%, alta de 0,2% p.a. em relação a 2022.