Moody's eleva rating de Portugal de Baa2 para A3 e muda perspectiva para estável

A Moody's elevou o rating em moeda estrangeira e local de Portugal, de Baa2 para A3, e alterou a perspectiva de positiva para estável. A melhora reflete os efeitos de médio prazo de uma série de reformas econômicas e fiscais implementadas pelo governo português, de acordo com a agência.

A instituição também cita a desalavancagem do setor privado e o contínuo fortalecimento do sistema bancário como fatores que contribuíram para a mudança. Segundo a empresa, ao contrário de outras economias que enfrentam envelhecimento da população, o impacto negativo das transformações demográficas no país europeu será mitigado pelo avanço da imigração, maior taxa de participação e aumento da produtividade.

"Um crescimento robusto e orçamentos geralmente equilibrados significam que o peso da dívida continuará caindo em um dos ritmos mais rápidos entre as economias avançadas, embora a partir de níveis elevados", acrescenta.

A Moody's prevê que o Produto Interno Bruto (PIB) de Portugal crescerá 1,6% em 2024, diante de uma posição mais restrita das políticas monetária e fiscal, após uma expansão de 2,1% em 2023. Para 2025, a expectativa é de uma elevação de 1,9%. A agência acredita que a renúncia do primeiro-ministro Antonio Costa pode retardar as reformas.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes