Produtos eletroeletrônicos ficam 7,4% mais baratos na internet em 1 ano, mostra índice

Os preços dos produtos eletroeletrônicos vendidos na internet acumularam queda de 7,4% nos 12 meses encerrados em março de 2024, segundo dados do Índice de Preços Fipe/Buscapé. Nos 12 meses terminados em fevereiro de 2024, os eletrônicos acumulavam queda de preços de 7,3%.

No mês de março, os preços dos eletroeletrônicos recuaram 1,29%, após já terem diminuído em janeiro (-0,05%) e fevereiro (-0,56%). Em dezembro, houve aumento de 1,88%.

O Índice de Preços de Eletroeletrônicos Fipe/Buscapé é calculado com base em preços de produtos oferecidos no comércio eletrônico brasileiro e que são monitorados continuamente pela plataforma do Buscapé.

Segundo a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), o índice é dividido em cinco grupos e 47 categorias de produtos, a partir de "mais de 2 milhões de preços coletados continuamente".

No período de um ano, entre as 16 categorias mais importantes pesquisadas, apenas duas categorias tiveram aumento de preços: ar-condicionado (alta de 16,7% nos 12 meses terminados em março de 2024) e ventilador e circulador (1,6%).

Os destaques entre as quedas foram as variações de aparelhos celulares (-14,9%), monitor (-13,9%), notebook (-12,5%) e PC/computador (-12,0%).