Próxima fase do processo de desinflação será mais gradual, diz economista-chefe do BCE

O economista-chefe do Banco Central Europeu (BCE), Philip Lane, disse nesta quinta-feira, 2, que os juros permanecerão elevados no bloco econômico pelo tempo que for necessário, e que o atual nível das taxas tem apoiado substancialmente o processo de desinflação em curso.

Ele alertou, durante evento na Universidade de Stanford, que apesar de ter registrado avanços mais acelerados do que o esperado na desinflação nos meses anteriores, a fase atual deve registrar uma desaceleração de preços mais gradual.

Mesmo assim, Lane pondera que, conforme a confiança dos dirigentes na desinflação aumenta, "se torna apropriado reduzir o atual nível de restrição", isto porque os efeitos restritivos dos aumentos de juros anteriores ainda estão em curso, e já é possível apertar menos as condições.