CVM alerta para atuação irregular de Xpoken e manda suspender serviços de intermediação

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) fez um alerta sobre a atuação da empresa Xpoken Limited, informando que a empresa não tem autorização para intermediar valores mobiliários ou captar recursos de investidores para aplicação em valores mobiliários.

A autarquia determinou à corretora a imediata suspensão de qualquer oferta pública de serviços de intermediação de valores mobiliários, de forma direta ou indireta, inclusive por meio de sites, aplicativos ou redes sociais, pelo fato de ela não integrar o sistema de distribuição previsto no art. 15 da Lei 6.385.

Caso a determinação da CVM não seja adotada, a empresa e pessoas que venham a ser identificadas como participantes dos atos irregulares estarão sujeitos à multa cominatória diária no valor de R$ 1.000,00.

De acordo com a Superintendência de Relações com o Mercado e Intermediário (SMI) da reguladora, foram identificados indícios de que a empresa busca captar clientes residentes no Brasil para a realização de operações com valores mobiliários, por meio do site.